Future of Money

CEO da Ripple diz que valor do mercado cripto vai duplicar até o fim de 2024

Brad Garlinghouse projeta que capitalização total do mercado de criptoativos vai chegar à marca de US$ 5 trilhões ainda neste ano

Mercado de criptomoedas segue crescendo em 2024 (Reprodução/Reprodução)

Mercado de criptomoedas segue crescendo em 2024 (Reprodução/Reprodução)

Da Redação
Da Redação

Redação Exame

Publicado em 8 de abril de 2024 às 11h55.

Brad Garlinghouse, CEO da empresa de tecnologia blockchain Ripple, disse no último domingo, 7, que acredita que a capitalização total do mercado de criptoativos ainda deve dobrar até o final de 2024, mesmo com a forte alta já registrada no primeiro trimestre. Com isso, ele espera que o mercado chegue a um valor inédito de US$ 5 trilhões.

Garlinghouse falou sobre o tema durante uma entrevista para o canal CNBC. Em sua visão, esse crescimento de capitalização será causado por uma combinação dos efeitos do lançamento dos ETFs de bitcoin nos Estados Unidos em janeiro e o halving do bitcoin, previsto para ocorrer em abril.

"Estou neste setor há muito tempo e tenho visto essas tendências irem e virem. Estou muito otimista. Acho que as macrotendências, o panorama geral, como os ETFs, estão gerando pela primeira vez a entrada de dinheiro institucional real [no mercado cripto]", destacou.

O CEO da Ripple destacou ainda que "Você está vendo que isso [os ETFs] impulsiona a demanda e, ao mesmo tempo que a demanda está aumentando, a oferta está diminuindo. Não é preciso ser formado em economia para dizer o que acontece quando a oferta se contrai e a demanda se expande".

Na visão do executivo, a capitalização de mercado da indústria cripto deverá "facilmente" dobrar até o final do ano. Atualmente, dados do CoinGecko apontam que a capitalização está na casa dos US$ 3 trilhões. Desse total, mais da metade corresponde apenas à capitalização do bitcoin, que segue crescendo.

Além dos ETFs e do halving, Garlinghouse também acredita que o mercado de criptomoedas deverá ser beneficiado por uma maior clareza regulatória nos Estados Unidos, algo que pode ocorrer ainda em 2024.

"Os Estados Unidos ainda são a maior economia do mundo e, infelizmente, têm sido um dos mercados mais hostis para os criptoativos. E acho que isso vai começar a mudar também", projeta.

Recentemente, a Ripple anunciou o lançamento de uma stablecoin própria pareada ao dólar. A empresa afirmou que a stablecoin deverá ser lançada ainda neste ano, mas o processo dependerá da "aprovação regulatória aplicável". A ideia é que a moeda digital fique disponível nos blockchains XRP Ledger (XRPL) — da própria companhia — e Ethereum, com possíveis expansões para outras redes no futuro.

Siga o Future of Money nas redes sociais: Instagram | Twitter | YouTube Telegram | TikTok

Acompanhe tudo sobre:CriptomoedasCriptoativos

Mais de Future of Money

Investidores institucionais não acreditam em alta do bitcoin no curto prazo, aponta relatório

Dolce & Gabbana é processada nos EUA após problemas em coleção de NFTs

Ethereum pode "surpreender" investidores e voltar a disparar, afirma Coinbase

Projeto vencedor de hackathon na Ethereum Rio une blockchain e IA para melhorar o sistema carcerário

Mais na Exame