Esporte

Vini Jr supera Neymar e vira o novo queridinho do mercado publicitário

Desde o final do ano passado tem sido procurado por anunciantes e, atualmente, conta com sete grandes marcas em seu portfólio: Betnacional, One Footabll, Zé Delivery, Pepsi, Golden Concept, Vivo e EA Sports; especialistas explicam o sucesso do atacante

Vini Jr: Um oitavo parceiro deve surgir em breve, já que em fevereiro deste ano ele rompeu o contrato com seu antigo fornecedor de material esportivo, a Nike (Getty Images/Getty Images)

Vini Jr: Um oitavo parceiro deve surgir em breve, já que em fevereiro deste ano ele rompeu o contrato com seu antigo fornecedor de material esportivo, a Nike (Getty Images/Getty Images)

André Martins
André Martins

Repórter de Brasil e Economia

Publicado em 1 de março de 2023 às 17h25.

O atacante Vini Jr é o jogador do momento do Brasil. Seja pelos gols decisivos no Real Madrid ou pela postura com que lida com o público fora dos gramados, o ex- Flamengo é um dos queridinhos do torcedor brasileiro.

O atacante também se destaca pelo crescente interesse de grandes empresas em explorar sua imagem - Ele é o atleta com o maior número de patrocinadores entre os que disputaram a última Copa do Mundo com a camisa da seleção brasileira, ultrapassando Neymar, principal atleta da Seleção no Mundial.

Desde o final do ano passado tem sido procurado por anunciantes e, atualmente, conta com sete grandes marcas em seu portfólio: Betnacional, One Footabll, Zé Delivery, Pepsi, Golden Concept, Vivo e EA Sports.

"O Vini se tornou o queridinho do mercado em função da excelente performance dentro do campo e da postura impecável fora dele. Na parte técnica, desempenha um futebol que muitos o consideram entre os melhores do mundo atualmente. Fora dele, postura exemplar, um baita profissional, além de realizar um trabalho social louvável através da sua fundação", explica Fábio Wolff, especialista em marketing esportivo, sócio-diretor da Wolff Sports e que gerencia a gestão de imagem de Endrick e Luis Guilherme, do Palmeiras.

Um oitavo parceiro deve surgir em breve, já que em fevereiro deste ano ele rompeu o contrato com seu antigo fornecedor de material esportivo, a Nike. A ideia de Vini Jr vai de encontro aos seus propósitos comerciais, de investir em uma marca que acompanha e nível mundial seus interesses comerciais.

Essa não é uma preocupação de momento do staff do atleta. Para além do carisma, também há o cuidado com a imagem. Tanto que, após uma análise de marca em 2020, abandonou o nome Vinícius Junior – que era estampado nas camisas e utilizado nas redes sociais – e alterou para Vini Jr. A mudança teve como base uma linha de estudo de que era difícil pronunciar o nome Vinícius entre os catalães e outros países europeus. Ou até mesmo no mercado asiático, onde o estafe do atacante tem planos para o longo prazo.

“Fazendo uma análise do atleta, sem interessar o clube em que ele joga, acho que a mudança é positiva se vier trabalhada com uma ideia de sustentação para as redes sociais e imprensa. Não adianta apenas mudar o nome se não houver por trás uma estratégia de branding, de mudança de marca, que deve vir apoiada em diversas propriedades de comunicação e comerciais que esse atleta dialogue”, avalia Renê Salviano, dono da agência de marketing esportivo Heatmap.

"As pessoas e marcas se identificam com o Vini Jr porque, além de ser um dos maiores talentos surgidos no futebol mundial nos últimos anos, é também um garoto humilde, que tem mantido seus valores de berço, e mostrado uma imagem bastante positiva fora das quatro linhas, alheio às polêmicas, focado apenas em desempenhar um bom futebol dentro de campo", complementa o executivo, que faz a captação de patrocínios entre atletas, marcas e empresas.

Para Marcel Pinheiro, diretor de comunicação e marketing do Fortaleza e acostumado a lidar com jogadores, um fator extra pesa a favor do atacante neste momento na questão da aproximação.

"A rede social é um ambiente essencialmente jovem, de 16 a 24 anos, e profundamente performático. A identificação deste público com Vini Jr. é imediata, direta. Além disso, o atleta tem uma conduta pessoal reta, o que minora o risco de crise para as marcas que nele investem. Vini Jr. torna-se assim um investimento seguro, de alto retorno e baixíssimo risco para as marcas que desejam se comunicar com o público que predomina na rede", analisa.

Responsável pela gestão de carreira da imagem do atacante Neymar na época do Santos, o especialista em novos negócios do esporte, Armênio Neto, entende que não deve existir comparação entre os dois neste momento.

"O Vini Jr tem só 22 anos e é uma novidade recente para o mercado publicitário, ainda mais com o ano de Copa que tivemos há poucos meses. Mas dois elementos devem ser considerados numa comparação com Neymar, por exemplo: território e tempo desses contratos. Neymar tem mais de uma década de trabalho sólido, associando sua imagem a mais de uma dezena de marcas, muitas delas de abrangência global e contratos invariavelmente longos. Não estão necessariamente atrelados a um evento específico como uma Copa do Mundo, mas a sua imagem, alcance e reconhecimento. Vini Jr têm, indiscutivelmente, muita força e potencial para continuar em expansão", acrescenta.

Números da temporada de Vini Jr

O brasileiro convive com a boa performance física. Ele não se machucou e atuou em 94% das partidas de sua equipe. O atacante desanda de fazer gols na atual temporada europeia - foram 18 e nove assistências no total. Vini ficou de fora da seleção da temporada do prêmio The Best, da Fifa, o que causou grande comoção pela nível de atuações do atacante na última temporada.

"Hoje, na minha opinião, ele é o jogador mais decisivo do futebol mundial", disse Carlo Ancelotti, técnico do Real Madrid, em coletiva, ao comentar a fase do jovem brasileiro.

Fora de campo, o jogador tem sofrido ataques racistas de torcedores espanhóis durante os jogos do Real Madrid fora de casa O clube e o atleta esperam ações mais enérgicas das autoridades e dirigentes locais.

Acompanhe tudo sobre:Copa do MundoFutebolSeleção Brasileira de Futebol

Mais de Esporte

Jogos de hoje, sexta-feira, 21 de junho, onde assistir ao vivo e horários

Peru x Chile: onde assistir e horário pela Copa América

Polônia x Áustria: onde assistir e horário pela Eurocopa

Eslováquia x Ucrânia: onde assistir e horário pela Eurocopa

Mais na Exame