Acompanhe:

Já inserida em uma curva de azar, a Seleção Brasileira de Futebol pode enfrentar em breve um problema ainda maior: tem o risco de ficar sem técnico durante a fase de classificação das equipes para a Copa do Mundo de 2026. Segundo o site espanhol Relevo, Carlo Ancelotti estaria em negociação com o Real Madrid, que pretende renovar o contrato com técnico antes mesmo do Natal deste ano.

A reportagem afirma, ainda, que Ancelotti já comunicou que sua prioridade é o time espanhol, e que está disposto a esperar até o fim pela renovação do contrato. A direção do Real Madrid tem a intenção de propor uma renovação de duas temporadas, entre novembro e dezembro.

Isso significa dizer que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que tinha dado como certa a contratação de Ancelotti para o Brasil após a Copa América, terá que correr atrás de um novo treinador para a Seleção — e rápido, já que Ancelotti deve aceitar a proposta espanhola assim que ela for feita.

Nenhuma negociação efetiva entre a Seleção Brasileira e Ancelotti, entretanto, estava oficialmente de pé. Em entrevista coletiva no último sábado, o técnico inclusive afirmou que não havia ainda nenhum acerto com a CBF. "Me dá orgulho que uma seleção, que é uma das maiores do mundo, como é a seleção brasileira, fale de mim. Isso me deixa com orgulho, mas nada mais. Está tudo muito claro: eu tenho contrato até 30 de junho (com o Real) e até essa data eu não vou responder sobre o meu futuro", concluiu ele.

Onda de má sorte para a seleção brasileira

Não anda fácil a temporada de jogos da equipe brasileira. Na tabela das eliminatórias da Copa do Mundo de 2026, o Brasil configura na sexta posição, resultado do jogo frustrado contra a Argentina na última terça-feira, 21. O placar terminou em 1 a 0 para os argentinos. Já são três derrotas consecutivas.

Com isso, o Brasil corre um grande risco de não disputar o torneio. O cenário se torna ainda mais delicado, porque a classificação para a Copa ocorre até a sexta colocação. Outro fator de peso é o aumento do número de participantes de 32 para 48, sendo que a região da América do Sul conta com apenas seis vagas — a sétima vai para repescagem.

Parte da maré de azar da Seleção também tem a ver com os desfalques. Para a partida contra a Argentina, a equipe brasileira contava com Ederson, Danilo, Casemiro, Neymar, Vini Jr. e Richarlison de fora, por problemas médicos. Vale destacar que o Brasil já teve somente 24 convocados para as eliminatórias.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Jogos de hoje, sexta-feira, 23; onde assistir e horários
Esporte

Jogos de hoje, sexta-feira, 23; onde assistir e horários

Há 7 horas

Rio Open: João Fonseca vence francês Arthur Fils e supera Rafael Nadal no ranking da ATP
Esporte

Rio Open: João Fonseca vence francês Arthur Fils e supera Rafael Nadal no ranking da ATP

Há um dia

Qual o valor da premiação da Recopa Sul-Americana 2024? veja quanto ganha o campeão
Esporte

Qual o valor da premiação da Recopa Sul-Americana 2024? veja quanto ganha o campeão

Há um dia

LDU x Fluminense: onde assistir, horário e escalações do jogo pela Recopa Sul-Americana
Esporte

LDU x Fluminense: onde assistir, horário e escalações do jogo pela Recopa Sul-Americana

Há um dia

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais