Google for Startups: nova edição foca em startups lideradas por negros

Dentre as 10 startups selecionadas para esta nova turma do Google for Startups Accelerator, três também já receberam investimento do Black Founders Fund. Conheça as escolhidas e sabia como participar das futuras edições
 (Inside Creative House/Getty Images)
(Inside Creative House/Getty Images)
M
Marina Filippe

Publicado em 08/04/2022 às 08:00.

Última atualização em 08/04/2022 às 09:15.

O Google for Startups tem uma nova turma do programa Google for Startups Accelerator, que oferece mentorias, suporte e ferramentas para ajudar startups já consolidadas a enfrentarem seus principais desafios técnicos e de produto, com foco em ferramentas de tecnologia e programação do Google. A novidade, desta vez, é um programa exclusivo para startups fundadas ou lideradas por pessoas negras.

Ao longo de três meses, as empresas selecionadas contarão com mentorias de especialistas do Google e do mercado, além de benefícios, como sessões personalizadas e individuais, créditos em produtos Google e acesso à rede com mais de 100 startups que já passaram pelos programas do Google for Startups, incluindo grandes nomes que cresceram e se firmaram no mercado brasileiro, como Loggi, Nubank, idwall e Grupo Zap.

Diversidade racial em startups

"Estimular mais diversidade no setor de inovação é uma prioridade para o Google for Startups, por isso, ficamos muito felizes de trazer essa nova proposta para o Accelerator pouco depois de anunciarmos o investimento adicional para o Black Founders Fund", diz André Barrence, diretor do Google for Startups na América Latina.

“Nós acreditamos que quando apoiamos empreendedores negros e seus produtos, não estamos só ajudando os negócios deles a crescerem, mas também contribuindo para a inclusão, geração de empregos e riqueza, e ajudando no desenvolvimento de soluções para importantes problemas da nossa sociedade”, afirma.

Veja as startups no Google for Startups:

  • Biti9: startup que ajuda empresas a otimizar processos, reduzir custos e ganhar em produtividade com mais segurança e confiabilidade.
  • Creators: startup que conecta marcas e squads de criadores de conteúdo.
  • fen: plataforma de social commerce onde marcas vendem produtos por meio de conteúdos criados por influenciadores digitais.
  • FixIt: healthtech de imobilização sustentável que utiliza plástico biodegradável e impressão em 3D para a produção de talas.
  • fluke: operadora de telefonia móvel 100% digital que trabalha para ser a nova - e melhor - opção de telefonia móvel no Brasil.
  • Kapputo: startup que disponibiliza informações, índices e análises do mercado imobiliário, utilizando Big Data e Machine Learning.
  • naPorta: empresa que atua com entregas em comunidades e regiões periféricas.
  • {Parças}: eduTech de Impacto Social que atua no apagão técnico de TI, formando novos Desenvolvedores de periferias e egressos de medidas socioeducativas.
  • Ubots: empresa de inteligência artificial para aprimorar as relações entre as organizações e  pessoas.
  • Wellbe: plataforma empresarial de inteligência e redução de custo, que integra diversos dados de saúde e oferece indicadores para auxiliar na gestão.

Dentre as 10 startups selecionadas para esta nova turma do Google for Startups Accelerator, três também já receberam investimento do Black Founders Fund.

Ainda que ambas tenham o objetivo de contribuir para a diversidade racial no ecossistema empreendedor do país, vale reforçar que o programa de aceleração e o fundo de investimento são duas iniciativas diferentes oferecidas pelo Google for Startups.

Ao contrário do Accelerator, que é um programa de aceleração sem qualquer tipo de investimento financeiro por parte do Google nas startups selecionadas, o Black Founders Fund investe recursos financeiros, sem qualquer participação societária, em negócios fundados por pessoas negras e que estejam buscando investimento em fase pre-seed e seed.

As inscrições para as próximas turmas do Google for Startups Accelerator seguem abertas. Para se inscrever, acesse campus.co/intl/pt_ALL/sao-paulo/accelerator/.

Para o Black Founders Fund, as inscrições também continuam abertas. Para mais informações sobre a iniciativa, acesse http://goo.gle/blackfoundersfundbrasil

Veja também Google anuncia mais de R$ 8,5 mi para startups lideradas por pessoas negras"