Vera Lúcia

PSTU lança pela segunda vez uma das fundadoras do partido para concorrer à Presidência da República
 (Divulgação/Divulgação)
(Divulgação/Divulgação)
Por Da RedaçãoPublicado em 15/05/2022 08:00 | Última atualização em 19/05/2022 18:19Tempo de Leitura: 2 min de leitura

Nome: Vera Lúcia Pereira da Silva Salgado
Vice: indefinido
Partido: PSTU
Idade: 55 anos
Data de nascimento: 12/09/1967
Ocupação: socióloga
Grau de instrução: superior completo
Estado civil: casada
Município de nascimento: Inajá (PE)

Resumo da pré-candidata

Uma das fundadoras do Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU) e presidente da legenda em Sergipe, Vera Lúcia Salgado é novamente a opção do partido para concorrer às eleições presidenciais em outubro. No pleito de 2018, conseguiu 55,7 mil votos, o equivalente a 0,05% do eleitorado.

Aos 55 anos, a socióloga, graduada pela Universidade Federal de Sergipe (UFS), nunca teve um cargo público, mas disputou alguns: além de ter sido candidata à Presidência, em 2018, tentou a prefeitura de Aracaju (2004, 2008, 2012 e 2016), o governo de Sergipe (2010), uma cadeira na Câmara dos Deputados (2006 e 2014) e a prefeitura de São Paulo (2020).

Antes de tentar cargos públicos, Vera Lúcia trabalhou como garçonete, datilógrafa e faxineira. Aos 19 anos, começou a atuar no movimento sindicalista, enquanto trabalhava em uma indústria de calçados, e chegou a ser diretora da Central Única dos Trabalhadores (CUT) e da Federação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Têxtil.

Vera Lúcia foi filiada ao PT, mas foi expulsa do partido em 1992, junto com outros integrantes de um grupo que defendia o impeachment do então presidente Fernando Collor, a Convergência Socialista. Com a expulsão, a socióloga decidiu ajudar a fundar o PSTU, que se define como um partido socialista e revolucionário.

Recentemente, afirmou em sabatina da Folha de S.Paulo com o Uol que, se for eleita, vai estatizar as cem maiores empresas do país e passar o comando delas para trabalhadores. Vera Lúcia também teceu críticas ao PT nos últimos anos. Afirma que o partido traiu a classe trabalhadora ao se envolver em corrupção e fazer privatizações.

A pré-candidata do PSTU comparou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), também pré-candidato à Presidência, ao atual presidente e candidato a reeleição, Jair Bolsonaro (PL). Para ela, os dois atuam de forma semelhante na condução da economia, apesar de serem diferentes politicamente.

Saiba mais sobre Vera Lúcia