Etanol sobe em 20 estados e no DF; média nacional avança 0,77%

Em São Paulo, a cotação média do etanol hidratado ficou em R$ 4,717 o litro, alta de 0,66% ante a semana anterior
 (Busakorn Pongparnit/Getty Images)
(Busakorn Pongparnit/Getty Images)
E
Estadão Conteúdo

Publicado em 04/04/2022 às 11:02.

Última atualização em 04/04/2022 às 11:42.

Os preços médios do etanol hidratado subiram em 20 estados e no Distrito Federal na semana passada, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilado pelo AE-Taxas. O preço caiu em outros cinco estados e permaneceu estável no Amapá.

Nos postos pesquisados pela ANP em todo o país, o preço médio do etanol subiu 0,77% na semana em relação à anterior, de R$ 4,952 para R$ 4,990 o litro.

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia.

Em São Paulo, principal estado produtor, consumidor e com mais postos avaliados, a cotação média do etanol hidratado ficou em R$ 4,717 o litro, alta de 0,66% ante a semana anterior.

O preço mínimo registrado na semana para o etanol em um posto foi de R$ 4,099 o litro, em São Paulo, e o menor preço médio estadual, de R$ 4,717, também foi registrado em São Paulo.

O preço máximo, de R$ 7,899 o litro, foi verificado em um posto do Rio Grande do Sul.

O maior preço médio estadual, de R$ 6,450, foi observado no Amapá.

Na comparação mensal, o preço médio do biocombustível no país subiu 7,73%. O estado com maior alta no período foi Mato Grosso, com 18,69% de valorização mensal do etanol, para R$ 5,062.

Na apuração semanal, a maior alta percentual de preço, de 6,14%, foi observada também em Mato Grosso.