Desemprego no país caminha para 2 dígitos, prevê BNP Paribas

Para 2015, o BNP Paribas projeta que a taxa de desemprego deve encerrar o ano em 6,7%, subindo para 8,8% em 2016

São Paulo - O Brasil está caminhando para uma taxa de desemprego de dois dígitos, previu nesta sexta-feira, 26, o economista para América Latina do BNP Paribas, Marcelo Carvalho, durante teleconferência com a imprensa.

Ele não especificou, contudo, quando a taxa deve alcançar esse patamar.

"O desemprego vai piorar. Estamos caminhando para uma taxa de desemprego de dois dígitos", afirmou. Segundo ele, essa previsão leva em conta o cenário de alta de juros e recessão da atividade econômica. Para 2015, o BNP Paribas projeta que a taxa de desemprego deve encerrar o ano em 6,7%, subindo para 8,8% em 2016.

Pela Pesquisa Mensal de Emprego (PME), divulgada na quinta-feira, 25, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desemprego nas seis principais regiões metropolitanas do País ficou em 6,7% em maio, ante 6,4% em abril, a maior taxa para o mês desde 2010 (7,5%).

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.

Veja também