Desemprego sobe em abril e atinge 12,8 milhões de pessoas

Taxa de desemprego no Brasil ficou em 12,6 por cento nos três meses até abril, de acordo com o IBGE
 (Gabriel Ramos/Getty Images)
(Gabriel Ramos/Getty Images)
D
Da redação, com Reuters

Publicado em 28/05/2020 às 09:19.

Última atualização em 28/05/2020 às 09:32.

A taxa de desemprego no Brasil ficou em 12,6 por cento nos três meses até abril, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira. Em relação ao trimestre anterior móvel anterior, de novembro a janeiro, a taxa saltou 1,3 ponto percentual. A população desempregada chegou a 12,8 milhões de pessoas, um aumento de 7,5%, com 898 mil pessoas a mais.

A população desalentada, de 5 milhões de pessoas, foi recorde da série, crescendo 7,0% em relação ao trimestre anterior. O termo desalento refere-se a quem desistiu de procurar emprego.

O número de empregados com carteira de trabalho assinada no setor privado caiu para 32,2 milhões de pessoas, menor nível da série histórica, caindo 4,5% frente ao trimestre anterior.

A taxa de informalidade foi de 38,8% da população ocupada, representando um contingente de 34,6 milhões de trabalhadores informais, o menor da série, iniciada em 2016.