Instituto Millenium anuncia mudanças na liderança executiva

A partir de hoje, Milla Maia assume como CEO e Sebastião Ventura se torna Presidente do Conselho
 (Instituto Millenium/Reprodução)
(Instituto Millenium/Reprodução)
I
Instituto MilleniumPublicado em 01/06/2022 às 15:48.

O Instituto Millenium informa que a partir de hoje(1° de junho) haverá mudanças nas posições de Presidente do Conselho e CEO e na da instituição.

Após importante e planejada reestruturação da governança institucional, o administrador Ricardo Diniz deixa a Presidência, permanecendo na qualidade de conselheiro da instituição. Exaltando deliberação unânime da Assembleia Geral, o advogado Sebastião Ventura Pereira da Paixão Jr. assumirá o cargo de Presidente do Conselho. Ventura é graduado pela PUCRS e especialista em Direito Constitucional pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, sendo, ainda, certificado pelo Programa de Negociação da Harvard Law School para Senior Executives.

Na posição de CEO, a economista Marina Helena Santos deixa o cargo para se dedicar a novos desafios e Milla Maia, que ocupava o cargo de assessora executiva, assume essa nova posição. Milla é graduada em Administração de Empresas e Administração Pública pela FGV/EBAPE e em Behavioral Finance -  Economia Comportamental na tradução livre - , pela Universidade de Chicago (EUA).   Também pela FGV/EESP, tornou-se mestre em Economia, com ênfase em Finanças, e conquistou certificação em Finanças pela Escola de Negócios Saint Paul e cursos em Finanças Internacionais pela Universidade Comercial Luigi Bocconi (ITA). Sua trajetória profissional, de mais de 10 anos de experiência, foi construída mesclando a carreira acadêmica com cargos relevantes em empresas do mercado financeiro.

Sobre o Instituto Millenium

O Instituto Millenium (Imil) é uma entidade sem fins lucrativos e sem vinculação político-partidária. Com um quadro de formadores de opinião, especialistas e influenciadores, o think tank promove valores e princípios que garantem uma sociedade livre, com liberdade individual, economia de mercado, democracia representativa e Estado de Direito.

O IMIL propõe trazer a sociedade para o centro dos debates sobre políticas públicas, trazendo dados e estudos sérios, que tornam a discussão mais madura e qualificada, a fim de encontrar soluções para os problemas econômicos e sociais do Brasil.