Warren Buffett considera que 3 decisões podem determinar seu sucesso

Dinheiro é o mesmo que sucesso? Para Buffett, três fatores pesam muito mais do que o tamanho da conta bancária

Com 89 anos, a sabedoria de Warren Buffett vai muito além de seus conselhos sobre investimentos. O quarto homem mais rico do mundo também pode dar grandes lições para a vida profissional.

O megainvestidor e filantropo de 89 anos é dono de uma fortuna de 67,5 bilhões de dólares, segundo ranking da revista Forbes. Como no caso de muitos bilionários, as pessoas querem entender como eles conseguiram alcançar seus objetivos e chegar ao topo.

No entanto, o sucesso não pode ser medido apenas pela conta bancária. Pelo menos, é isso que Buffett alerta em uma de suas famosas frases: “Se você chega na minha idade e ninguém te enxerga com bons olhos, eu não me importo com o quão grande sua conta bancária é: sua vida é um desastre”.

E quais seriam os sinais de sucesso? O site Inc.com reuniu três momentos em que o bilionário recomendou decisões de vida que separam os sonhadores dos profissionais de sucesso:

Não corra riscos por causa de ganância

“Se você arriscar algo que é importante para você por algo sem importância para você, não faz sentido. Eu não me importo se as chances de sucesso são de 99 para 1 ou 1.000 para 1”, disse ele em um discurso para turma de formandos na Universidade da Flórida.

Buffett conta que já viu muitas pessoas correrem riscos quando deveriam ter sido mais conservadoras, e sendo motivadas apenas pela ganância. A lição é investir no que é mais importante e necessário.

Nos relacionamentos, invista em pessoas éticas e honestas

Ainda falando com os graduados, o bilionário perguntou quem eles acreditavam que teria sucesso. “Você provavelmente escolheria alguém que você se relacionou de melhor maneira, alguém com as melhores qualidades de liderança, alguém que consegue fazer com que as pessoas executem seus interesses. Essa seria a pessoa que é generosa, honesta e que dá crédito às pessoas por suas próprias ideas”, disse ele.

Existe uma medida para o sucesso na vida

O dinheiro compra a felicidade? O investidor tem certeza de uma coisa impossível de comprar: amor. Segundo sua biografia, a verdadeira medida para o sucesso deve ser a equivalência entre quem você deseja que te ame e quem te ama de verdade.

“O problema do amor é que você não pode comprá-lo. Você pode comprar sexo. Você pode comprar jantares. Mas o único jeito de conseguir amor é ser amável. Você gostaria de pensar que é possível escrever um cheque: vou comprar 1 milhão de dólares em amor. Mas não é assim que funciona. Quanto mais amor você dá, mais você recebe.”

Apoie a Exame, por favor desabilite seu Adblock.