Carreira
Acompanhe:

Fabricante do ENO e do Advil cria licença parental de 6 meses para todo tipo de família

Política começa a valer a partir deste mês e inclui pais e mães com filhos biológicos, adotivos, reprodução assistida e casais homoafetivos em todo o mundo

Licença-paternidade: o benefício da Haleon é fruto de divisão da GSK (ex-GlaxoSmithKline) e passa a valer neste mês (Cavan Images/Getty Images)

Licença-paternidade: o benefício da Haleon é fruto de divisão da GSK (ex-GlaxoSmithKline) e passa a valer neste mês (Cavan Images/Getty Images)

L
Luciana Lima

Publicado em 18 de janeiro de 2023, 16h59.

Última atualização em 18 de janeiro de 2023, 17h09.

Nesta quarta-feira, 18, a Haleon, multinacional britânica dona de marcas como ENO, Centrum, Advil, Sensodyne, Corega e Cataflam, anunciou a criação de uma licença parental estendida para os seus 22 mil funcionários.

LEIA TAMBÉM:

A partir deste mês, os funcionários da empresa terão direito a seis meses de afastamento remunerado. O benefício vale para os mais diversos tipos de configuração de família, incluindo pais e mães com filhos biológicos, adotivos, reprodução assistida e casais homoafetivos em todo o mundo.

Atualmente, a lei brasileira, por exemplo, prevê licença-paternidade de cinco dias e 120 dias para licença-maternidade. No caso de empresas cidadãs, esses prazos podem ser estendidos para 20 e 180 dias, respectivamente.

Em 2022, a farmacêutica GSK (ex-GlaxoSmithKline) anunciou uma empresa com operação independente focada no mercado de saúde B2C, assim nascia a Haleon. 

"Essa política reflete o compromisso da Haleon em dar oportunidades iguais para todos, promovendo um ambiente inclusivo, pilar fundamental da nossa estratégia de diversidade, equidade e inclusão”, comenta Yanir Karp, general manager para o Brasil.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.