Carreira
Acompanhe:

Copa do mundo no escritório: pode beber ou usar camisa do Brasil no trabalho?

Segundo uma pesquisa da Catho, 64% das empresas dizem ter se organizado para transmitir os jogos durante o expediente. Veja o que pode e o que não pode na hora de torcer no escritório

Torcida do Brasil na Copa do Mundo: no escritório, a pedida é bom senso (Divulgação/Fifa/Divulgação)

Torcida do Brasil na Copa do Mundo: no escritório, a pedida é bom senso (Divulgação/Fifa/Divulgação)

L
Luciana Lima

2 de dezembro de 2022, 06h02

Nesta sexta-feira, 2, o Brasil enfrenta a seleção de Camarões às 16h, no último jogo da fase de grupos. E, embora os dias dos jogos do Brasil não sejam considerados feriados, muitas companhias optam por liberar os funcionários.

LEIA TAMBÉM:

Neste ano não será o caso da maioria das organizações, entretanto. Segundo uma pesquisa da Catho, 64% das empresas dizem ter se organizado para transmitir os jogos no escritório.

A empresa pode descontar as horas liberadas para assistir ao jogo do Brasil?

Mas, mesmo quem tiver que ir para o escritório e parar as atividas durante a partida, pode ter esse período descontado do salário? Não.

De acordo com Marcelo Mascaro, sócio do escritório Mascaro Nascimento Advocacia Trabalhista, liberando o funcionário ou permitindo que ele assista os jogos durante o expediente, a empresa não pode descontar esses dias do salário do trabalhador. 

"Deve-se sempre lembrar que o empregador tem total controle sobre o local de trabalho. Por isso, caso a empresa não autorize que seus empregados assistam às partidas no horário de trabalho isso deve ser respeitado ou o trabalhador poderá sofrer uma punição", diz Mascaro.

Os funcionários têm direito de ver o jogo do Brasil na Copa?

Não, as empresas não são obrigadas a liberar seus empregados no horário do jogo do Brasil.

Posso usar a camisa do Brasil no trabalho durante os jogos?

A mesma regra se aplica sobre as roupas que podem ser ou não usadas no ambiente de trabalho: a empresa tem total controle para permitir ou proibir determinados itens.

"Há empresas que exigem um dresscode ou o uso de uniformes. Nesses casos, a menos que ela autorize, mesmo no dia de jogos do Brasil o padrão de vestimenta exigido deve ser respeitado e o empregado não deve substituí-lo por outro, como camisas da seleção", explica Mascaro.

O especialista alerta que, mesmo nos casos em que não existe nenhuma regra quanto ao tipo de roupa a ser utilizado no ambiente de trabalho, é aconselhável que o funcionário pergunte ao seu chefe ou ao RH se será permitido o uso da camisa da Seleção Brasileira.

Pode beber no experdiente durante os jogos da Copa do Mundo?

Algumas empresas aproveitaram o mundial para desenvolver ações de engajamento com os times, disponibilizando comidinhas e, algumas, até cerveja na hora do jogo.

Mas, Mascaro salienta que o consumo de bebida alcóolica é outra questão que também só poderá ser permitido mediante autorização da empresa. E, assim como o comportamento na hora de comemorar o gol, vale a regra do bom senso.

"Se a empresa, por sua vez, autorizar que seus funcionários assistam aos jogos no local de trabalho deve-se evitar exageros como xingamentos e palavras de baixo calão, afinal ainda se está no ambiente de trabalho", diz Mascaro.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.