Carreira

Como negociar uma oferta de emprego? Especialista em RH dá dicas

Ex-vice-presidente de RH da Microsoft dá sugestões sobre como prosseguir durante as negociações

Publicado em 2 de maio de 2024 às 14h12.

Como negociar ofertas de emprego? O processo pode ser bastante complicado e suscitar inseguranças e ansiedade. Pensando nisso, o ex-vice-presidente de recursos humanos da Microsoft, Chris Williams, elencou ao Business Insider alguns pontos em que prestar atenção durante esse processo.

De acordo com o especialista, o primeiro ponto envolve ter a noção de que, quando uma oferta é formalizada, isso significa que os empregadores querem você. Após entrevistas e análises de currículo, você foi escolhido para preencher a vaga. Isso quer dizer que, assim como você deseja preencher a posição, eles o desejam também. Isso deve ser usado nas negociações, afirma Williams.

Além disso, pontua o executivo, os empregadores esperam certa negociação. Segundo ele, quase ninguém apenas aceita o cargo sem ressalvas, sobretudo em níveis de maior senioridade. Dessa forma, explica, as empresas esperam que você tire um tempo para pensar, converse com os familiares, reflita sobre a oferta.

Ele ressalta ainda que a negociação, nesse sentido, não será novidade. Não se trata de um insulto, mas de algo que a própria companhia já espera do candidato.

Williams afirma também que o melhor momento para negociações é justamente antes do começo do trabalho. Nesse instante, o empregador ainda não sabe dos seus pontos altos e baixos, de suas vantagens e desvantagens. Portanto, deve-se usar isso a seu favor.

Por fim, o especialista indica que o pagamento é apenas um dos pontos passíveis de negociação -- e um ponto costumeiramente difícil para a empresa negociar, já que o salário durará até o fim do emprego. Desse modo, ele elenca alguns pontos que podem ser mais facilmente negociáveis e que são igualmente importantes. Entre eles, estão bônus e comissões, trabalho remoto e plano de saúde.

Williams relembra ainda que negociações não são sempre divertidas, mas são necessárias para que se encontre um meio termo entre empregado e empregador.

Com informações do Business Insider.

Acompanhe tudo sobre:Microsoftdicas-de-carreiraEmpregosBusca de emprego

Mais de Carreira

Ipiranga abre inscrições para programa de estágio com vagas afirmativas, veja os requisitos

Nos Estados Unidos, família montam fundos 'hedge' na despensa de mantimentos

Polywork: conheça a tendência que faz parte da vida do ator Marcello Antony

TIM abre 145 vagas para o Programa de Estágio 2024

Mais na Exame