• AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
  • AALR3 R$ 20,01 -0.30
  • AAPL34 R$ 70,99 3.76
  • ABCB4 R$ 16,93 1.62
  • ABEV3 R$ 14,23 0.14
  • AERI3 R$ 3,76 -0.53
  • AESB3 R$ 10,81 -1.01
  • AGRO3 R$ 31,09 -1.11
  • ALPA4 R$ 22,80 2.84
  • ALSO3 R$ 19,15 1.59
  • ALUP11 R$ 26,48 -0.08
  • AMAR3 R$ 2,52 -2.70
  • AMBP3 R$ 31,84 -1.58
  • AMER3 R$ 21,57 0.33
  • AMZO34 R$ 3,52 4.14
  • ANIM3 R$ 5,51 -0.72
  • ARZZ3 R$ 83,00 2.13
  • ASAI3 R$ 15,78 -1.93
  • AZUL4 R$ 20,92 -0.14
  • B3SA3 R$ 12,68 2.18
  • BBAS3 R$ 37,07 -1.04
Abra sua conta no BTG

Dez passos para não acelerar sua carreira – e ter sucesso mesmo assim

Antes de querer acelerar a carreira, confira os passos necessários para sustentar o crescimento com menos frustrações
Subir na carreira: confira as dicas para criar uma carreira com crescimento sustentável (Getty Images/Klaus Vedfelt)
Subir na carreira: confira as dicas para criar uma carreira com crescimento sustentável (Getty Images/Klaus Vedfelt)
Por Luísa GranatoPublicado em 27/04/2022 15:51 | Última atualização em 29/04/2022 10:41Tempo de Leitura: 7 min de leitura

A vida no mundo corporativo deve ser vista como uma maratona, e não uma corrida de 100 metros. Essa é a grande reflexão que Ricardo Basaglia, CEO do PageGroup Brasil, traz sobre as mudanças no mundo do trabalho atual.

Na hora de pensar produtividade, a forma ideal de trabalho híbrido e a carreira, é difícil tomar atitudes pensando apenas nos 100 metros adiante e não na corrida completa.

Veja também:

Últimos dias – Garanta o seu lugar entre as melhores do Brasil, entre no Ranking Negócios em Expansão 2022. É GRATUITO

Retorno presencial pode afastar Geração Z do mercado, diz estudo

VP da Raia Drogasil: 'Soluções prontas não vão resolver questões novas'

Ainda assim, a ansiedade é uma das características mais marcantes da economia atual, segundo conceito do mundo BANI.

O conceito é uma sigla em inglês para Brittle, Anxious, Nonlinear, and Incomprehensible, uma série de conceitos traduzidos para o Português como “Frágil, ansioso, não linear e incompreensível”.

A teoria ganhou força na pandemia, um evento histórico capaz de revelar a impotência dos seres humanos em colocar ordem nos acontecimentos.

“A ansiedade pode virar um mal e um que está afligindo a todos nós. Acho que existe uma relação entre tecnologia e velocidade que faz com que as pessoas, especialmente a geração Z, queira acelerar a carreira de largada”, comenta Roberta Bicalho, diretora de gente e gestão do grupo Soma, dono de marcas como Hering, Animale e Farm.

A diretora chegou à companhia após uma longa carreira cheia de reviravoltas e movimentos de risco. Ela começou há quase três décadas sua trajetória como trainee da Ambev, onde migrou da sua área de formação, em ciência da computação, para a gestão de pessoas.

“A carreira me escolheu, quando passei no programa de trainee, eu tinha me inscrito em diversas vagas, mas não na que me chamaram. Eles identificaram que meu perfil era o que queriam para a área e eu fui”, afirma.

Voltando ao tema de ansiedade, a executiva vê que a vontade de colocar muito controle e velocidade nas escolhas de carreira tem gerado muita frustração e até depressão nos profissionais.

Ela relembra quando saiu de uma grande empresa para buscar maiores desafios no setor de private equity e precisou lidar com diversas frustrações. A mentalidade que a guiava naquele momento era: “eu queria ser a cabeça do rato, enquanto na empresa maior eu era apenas o rabo do dragão”.

As mudanças rápidas, e diversos fracassos, a ensinaram muito, inclusive a levaram a refletir sobre passos para se preparar melhor para um crescimento mais sustentável (e com menos dores) na carreira.

Confira a seguir o guia com o passo a passo -- que pode ser seguido em qualquer ordem -- que a diretora passou em conversa com a EXAME.

Como não acelerar a carreira e crescer mesmo assim

1. Encontre seu ritmo 

Cada pessoas tem um ritmo de crescimento, explica a diretora. É importante entender como está a sua velocidade de carreira, sem se comparar com a velocidade que os outros estão avançando. Se seu ritmo for devagar, faz parte do jogo segurar o ritmo da carreira para dar tempo de se desenvolver sem ansiedade. Se você estiver mais acelerado, vale apertar o passo na vida profissional. 

2. Não se compare

“Seu primo com sua idade já era diretor”. Já ouviu uma frase desse tipo? As comparações acontecem naturalmente e podem ter origem externa ou interna. No entanto, não é produtivo se cobrar para ter o crescimento de acordo com os outros. “Não é por ter acontecido com o outro que tem que ser do mesmo jeito para mim também. Isso gera ansiedade, cobrança e frustração”, diz.

3. Descubra o ritmo da empresa

Além do ritmo pessoal, entender o ritmo da empresa – e se ele está em sincronia com o seu – é um passo para evoluir na carreira. Não adianta perceber que seu ritmo está acelerado e a empresa não oferece oportunidades de crescimento na mesma velocidade. Para analisar o ritmo da empresa, é necessário entender seu momento, tamanho, o segmente e a cultura interna.

4. Se prepare para o próximo desafio

Seu ritmo pode estar acelerado, mas não adianta almejar um cargo ou uma promoção se você não compreende as responsabilidades e habilidades necessárias para aquele novo desafio. Nenhum candidato é perfeito, mas é possível se preparar para um novo cargo. E começar pela sua autoavaliação sobre seu grau de preparo.

“Sem ter o preparo, você pode prejudicar sua carreira e também a empresa”, diz.

5. Saiba aproveitar a jornada

“As pessoas precisam aproveitar a jornada. Quando você coloca na cabeça que o prêmio é o destino e não consegue aproveitar a jornada, você vai aprender o tanto quanto poderia”, diz.

Para a executiva, esse é o principal mecanismo para se preparar para novos desafios na carreira. Especialmente para se manter atento a tendências e oportunidades escondidas ao longo do caminho.

6. Se for fazer, faça bem-feito

Já ouviu que a pressa é inimiga da perfeição? Então, uma atualização da frase para a carreira seria que a ansiedade é inimiga da reputação. Ao ter pressa de chegar a um destino, é muito fácil não prestar atenção na qualidade do trabalho do dia a dia.

E é esse o diferencial que pode abrir portas para o seu destino. Ter uma boa reputação pela qualidade, aprimorar as suas entregas e se dar a chance de aprender são pilares para ser indicado para uma nova vaga ou promoção.

7. Encontre seus mentores

“Tenha mentores. Pode ser seu líder ou não, mas precisam ser alguém que ajude a enxergar seus pontos cegos. Tem coisas que a gente não enxerga e ter alguém nos dizendo onde priorizar o desenvolvimento é ótimo.”, diz.

Ter mentores mais experientes ajuda a entender a visão de alguém que está a alguns passos a sua frente na carreira e já cometeu erros que você pode evitar.

8. Peça feedback

Além de ter um mentor, é muito importante pedir feedback. Ter diversas visões sobre o seu trabalho, não apenas o ponto de vista de um chefe ou mentor, ajuda a formar uma imagem mais completa de seu desempenho e reputação.

9. E tenha humildade para ouvir

Esse passo caminho junto com os outros. Não adianta muito pedir por opiniões e feedback e não saber avaliá-las bem. Ou ignorar os conselhos do mentor e achar que já aprendeu tudo que precisa no trabalho.

“Humildade é essencial para manter seu aprendizado constante. Quem acha que já sabe tudo acaba com muito conhecimento superficial”, afirma a executiva.

10. Seja protagonista

Esse é o passo final, pois ao seguir os passos anteriores já é possível se tornar protagonista da sua carreira. As oportunidades estão por aí, mas um protagonista ativamente vai se preparando ao longo da jornada para assumir cargos e desafios que aparecem em seu caminho.

“Você vai construindo uma reputação e pode correr atrás de oportunidades. E, quando pegá-las, vai estar preparado para crescer. Não rápido, mas bem e consistente, no seu ritmo adequado”, diz.

Dicas de carreira, vagas e muito mais

Você já conhece a newsletter da Exame Academy? Você assina e recebe na sua caixa de entrada as principais notícias da semana sobre carreira e educação, assim como dicas dos nossos jornalistas e especialistas.

Toda terça-feira, leia as notícias mais quentes sobre o mercado de trabalho e fique por dentro das oportunidades em destaque de vagas, estágio, trainee e cursos. Já às quintas-feiras, você ainda pode acompanhar análises aprofundadas e receber conteúdos gratuitos como vídeos, cursos e e-books para ficar por dentro das tendências em carreira no Brasil e no mundo.

Inscreva-se e receba por e-mail dicas e conteúdos gratuitos sobre carreira, vagas, cursos, bolsas de estudos e mercado de trabalho.