Acompanhe:
seloCarreira

Abel Ferreira: técnico deve ficar até o fim de 2024 no Palmeiras. Veja quanto é o salário dele

Mesmo falando que ficará no Palmeiras, há especulações de que o técnico português está sendo sondado por outro clube

Modo escuro

Continua após a publicidade
Com o título do Brasileirão deste ano, o técnico Abel Ferreira ganhou a torcida Alviverde, assim como a atenção de um novo clube  (Divulgação: Eurasia Sport Images / Colaborador/Getty Images)

Com o título do Brasileirão deste ano, o técnico Abel Ferreira ganhou a torcida Alviverde, assim como a atenção de um novo clube (Divulgação: Eurasia Sport Images / Colaborador/Getty Images)

Publicado em 8 de dezembro de 2023 às, 17h44.

Última atualização em 8 de dezembro de 2023 às, 18h48.

Com o título em mãos conquistado na última quarta-feira, 6, o técnico Abel Ferreira ganhou a torcida alviverde, assim como a atenção de um novo clube.

Especulações pairam no mundo do futebol sobre a chance do Abel deixar o Palmeiras, mas segundo apurações do UOL, o técnico português confirmou que cumpriria o contrato com o clube alviverde, o qual paga a ele um dos salários mais altos de técnico de futebol do mundo.

O mesmo portal informou que Abel já é um dos técnicos mais bem pagos do mundo, com um salário anual que chega a mais de 6 milhões de euros por temporada, cerca de R$35,4 milhões, mas esse salário pode ganhar um salto com uma nova proposta.

De acordo com o jornal espanhol Sport, o time Al-Sadd, do Catar, negocia com Abel um dos maiores salários de treinador de futebol, com início a partir de janeiro de 2024. Caso Abel aceite a proposta do clube do Catar, segundo especulações, ele poderá receber cerca de R$ 15 milhões por mês, cinco vezes o que recebe hoje como técnico do Palmeiras.

A média salarial dos técnicos de futebol mais bem pagos do mundo

O jornal francês L’Équipe, divulgou recentemente uma lista que informa que o treinador mais bem pago é o espanhol Diego Simeone, técnico do Atlético de Madrid há 10 anos. Ele recebe cerca de 34,3 milhões de euros por ano.

Em seguida, vem Pepe Guardiola, do Manchester City, com 22,7 milhões de euros e Antonio Conte, do Tottenham, com 17,9 milhões de euros.

Posicionamento do Palmeiras

Abel Ferreira fechou contrato com o Palmeiras até o fim de 2024, segundo assessoria do clube, que não compartilhou informações sobre o salário atual do técnico.

Veja 4 lições de liderança testadas por Abel

Abel Ferreira pode ser considerado um bom exemplo de liderança? Para Rafael Souto, fundador e CEO da consultoria de carreira Produtive, o treinador alviverde reúne características de um líder contemporâneo. Para o especialista, líderes deveriam dedicar mais tempo em conversas inspiradoras com seus times e conectá-las ao propósito da empresa.

  1. Segurança psicológica

Segurança gera confiança. Para criar um time campeão é necessário que os integrantes acreditem genuinamente nas decisões tomadas pelo líder.

“Um líder que não tem confiança do grupo não consegue ter liberdade, presença, não consegue se conectar com o grupo”, afirmou Rafael Souto.

Em um ambiente sem segurança psicológica, feedback negativo vira uma cobrança vazia e sem valor.

O atual técnico do Palmeiras, que renovou seu contrato por mais dois anos, consegue passar confiança, motivação e segurança para o elenco.

O livro ‘Cabeça fria, coração quente’, publicado neste ano, conta bastidores das conquistas do Palmeiras nas temporadas de 2020 e 2021. Em um trecho, Abel destaca a importância do coletivo e da mentalidade vencedora.

“Meu orgulho é ver que os jogadores estão comprometidos. Estão dando o melhor em cada jogo. A grande diferença é a mentalidade e a cultura de vitórias. Eles se desafiam diariamente e isso se reflete no treino e no jogo”, disse Abel.

  1. Growth Mindset

No modelo mental de crescimento, conhecido como growth mindset, o desafio é visto como uma oportunidade.

Dois exemplos mostram isso na liderança de Abel Ferreira. O primeiro foi o mundial de 2020, onde o Palmeiras ficou em quarto lugar. Naquele momento, todo trabalho construído até ali poderia ter sido descartado, mas não foi.

Para Rafael Souto, Abel conseguiu manter o grupo unido e aquela derrota foi vista como oportunidade de aprendizado.

“O time não desmoronou, ele conseguiu ver os erros, corrigi-los e buscar o próximo objetivo”, explicou.

Sobre o Mundial de Clubes, o atacante Rony disse que a equipe estava feliz por participar e que eles estavam saindo da competição de cabeça erguida. “Vamos fazer uma grande temporada na Libertadores para poder jogar o Mundial novamente”, disse.

Outro exemplo foi a recente final do Campeonato Paulista. No primeiro jogo, o Palmeiras perdeu de 3x1, o que para muitos significava o vice-campeonato.

“O mindset de crescimento vê o desafio, o obstáculo, como algo a ser superado. O Palmeiras conseguiu reverter o resultado ruim do primeiro jogo, algo que seria impossível para muitas equipes”, afirma Souto.

  1. Propósito

Manter-se no topo também é um desafio. Depois de muitas conquistas, é comum ver grupos vencedores perderem a motivação. Mas no Palmeiras, isso não parece acontecer.

"O Abel consegue manter a motivação do grupo através de conversa constantes sobre a importância do desafio e do crescimento como oportunidade. O Palmeiras está sempre em busca do novo desafio", disse Souto.

Além disso, o especialista destaca que o propósito do time também é sempre relembrado. "Abel fala da importância de marcar a história, fala do significado de cada conquista,  para que as pessoas se motivem e consigam dar o seu melhor".

  1. Diversidade

Um bom líder sabe valorizar e administrar a diversidade de perfis presentes no grupo, seja de faixa etária, seja da forma de pensar e agir. No caso do Abel, liderar jogadores jovens e experientes é um desafio.

“Um bom líder consegue extrair o melhor de cada um. Ele cria uma relação próxima com os integrantes, inclusive com os mais difíceis. O líder precisa criar conexões e deixar claro que a diversidade enriquece e torna o grupo vencedor”, comentou Souto.

No livro, o ex-jogador do Palmeiras Luiz Adriano, um dos mais experientes do elenco, fala sobre sua colaboração, além do campo, para o grupo:

“Pude contribuir da melhor forma possível, incentivando os companheiros, dando alguma palavra. Isso faz parte de chegar ao título. Não só jogar. Pude ajudar da melhor forma possível, passar concentração pra eles. Sou um dos mais velhos, dou um conselho, uma ajuda no dia a dia”.

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Cansaço, falta de propósito e desânimo: saiba quando é a hora de fazer uma transição de carreira
seloCarreira

Cansaço, falta de propósito e desânimo: saiba quando é a hora de fazer uma transição de carreira

Há 11 horas

Insalubridade: o que é, como funciona e como fazer o cálculo
seloCarreira

Insalubridade: o que é, como funciona e como fazer o cálculo

Há 14 horas

CIEE promove nesta terça a “Maratona de Vagas” com 60 mil oportunidades para estágio e aprendiz
seloCarreira

CIEE promove nesta terça a “Maratona de Vagas” com 60 mil oportunidades para estágio e aprendiz

Há 14 horas

Faculdade EXAME abre inscrições para MBA em IA para Negócios com condições especiais
seloCarreira

Faculdade EXAME abre inscrições para MBA em IA para Negócios com condições especiais

Há 16 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais