Paranapanema conclui acordo de reestruturação financeira

Confira novidades e informações exclusivas sobre economia e negócios na coluna semanal de notas da Bússola

Por Márcio de Freitas*

Após um ano e dois meses de negociações com os principais credores, a Paranapanema (PMA), maior fabricante de cobre brasileira, concluiu o acordo de reestruturação financeira que lhe assegura alongar compromissos de pagamento da ordem de US$ 491 milhões até 2028. É a quinta reestruturação em seis décadas.

Foram três grandes marcos desde a fundação em 1961, por José Carlos de Araújo e a família Lacombe. Veio a venda do controle em 1995 para os fundos da Petros, Previ, Sistel e Aerus. Em 2017, João Araújo participou do aumento de capital em conjunto com a Previ e Caixa Econômica. Em 2019, ele adquiriu a participação da Petros e Previ se tornando o maior acionista através da Buritipar e na pessoa física do empresário João Araújo.

Mudanças

Araújo conjugou ao modelo de negócios simplicidade, visão moderna e sustentável. Baseado na filosofia do “fazer mais com menos”, obteve o apoio do Conselho na indicação do CEO Luiz Carlos Aguiar – fundamental para o sucesso do acordo com os bancos. Foi também o início de um amplo tornaround operacional, a partir de uma gestão mais equilibrada, com a completa transformação administrativa e operacional da produtora de cobre.

Resultados

As mudanças incluíram manutenção sem desperdícios, investimentos acompanhados de áreas técnicas especializadas, diversificação da carteira de clientes, parceria logística de longo prazo e aumento do volume de material reciclado na produção. Tudo isso ampliou a rentabilidade do parque fabril, com a redução de custos administrativos e eficiência operacional nos últimos trimestres

Integridade

Pioneiro na implantação de programa de integridade no judiciário do país, o TJMG está com seu modelo sob estudo pelo Conselho Nacional de Justiça para disseminação em outros tribunais pelo país. Código de conduta, gestão periódica de risco, comunicação e monitoramento contínuo foram algumas das ferramentas adotadas pelo presidente do TJMG, Gilson Lemes, que conseguiram a aprovação pela CGU e TCU.

 (Claudio Gatti/Exame)

 

Zmes e Grupo RD

Com objetivo de explorar a potencialidade digital das maiores empresas, a Zmes foi escolhida para liderar o crescimento da receita de marketing digital do Grupo RD, dona das marcas Droga Raia e Drogasil. Combinando a atuação de agência com consultoria de Growth, a Zmes atuará num mix de competências envolvendo tecnologia, criatividade, mídia e uso de dados em escala.

Galerias do Carrefour

Carrefour Property, empresa do Grupo Carrefour Brasil que gerencia os ativos imobiliários da companhia, registrou na sua ferramenta Compra Digital, pegando carona no Dia das Mães, crescimento de 75% nos acessos em 15 dias. A plataforma reúne lojas de galerias dos hipermercados Carrefour em todo o país, além do Jardim Pamplona Shopping e Butantã Shopping, em São Paulo.

Aposta no gamer

O bantech Digio descobriu que o público de gamers consome 77% a mais que a média dos outros clientes em seu cartão de crédito. Outro comportamento verificado foi a maior participação em transações à vista e compras online. Os gamers possuem em média 30 anos. Há três anos, o Digio aposta na longevidade do relacionamento com o gamer. E conquistou uma considerável base de clientes desse público.

Conexão em fibra

Primeiro cabo submarino de fibra ótica ligando Brasil e Europa, o EllaLink chegará em breve a Sines, Portugal. A nova ligação proporcionará conectividade de 72 terabits por segundo, cerca de sete mil vezes mais rápido do que a atual ligação. E permitirá investimentos milionários em centros de dados em terras lusitanas.

cachorro

Petspeed

A Petlove está mais ágil no atendimento a seus clientes, com serviço de entrega expressa em até um dia útil. O modelo está disponível na capital paulista, interior de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e algumas cidades na região Sul do país. Outro serviço disponível é o Petlove Já, que entrega produtos em São Paulo, em até 4 horas, e Belo Horizonte no mesmo dia. O cliente consegue acompanhar em tempo real o caminho de seu pedido.

Multas de LGPD

A partir de agosto começam a vigorar no Brasil as penalidades da Lei Geral de Proteção de Dados, que podem chegar a 2% do faturamento da empresa, com limite de R$ 50 milhões por infração.  A expectativa é que em um primeiro momento a atuação da Agência Nacional de Proteção de Dados (ANPD) se dê essencialmente com função didática. O General Data Protection Regulation (GDPR), lei de proteção de dados na Europa, com três anos de vigência, aplicou mais de 600 multas, no valor de 283 milhões de euros, segundo o portal Enforcementtracker.com.

Mais ar

Voluntária para abastecimento de cilindros de oxigênio às unidades de saúde em situação emergencial em São Paulo, a Ultragaz já transportou cerca de 2.000 cilindros e percorreu mais de 25 mil quilômetros nos primeiros 30 dias de operação. Ao todo foram quase 140 municípios atendidos no período. A iniciativa da companhia faz parte do empenho da empresa no enfrentamento da pandemia da Coronavírus.

*Márcio de Freitas é analista político da FSB Comunicação*Márcio de Freitas é analista político da FSB Comunicação

Siga a Bússola nas redes: Instagram | LinkedinTwitter | Facebook | Youtube

Veja também

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 3,90/mês
  • R$ 9,90 após o terceiro mês.

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

exame digital anual

R$ 99,00/ano
  • R$ 99,00 à vista ou em até 12 vezes. (R$ 8,25 ao mês)

  • Acesse quando e onde quiser.

  • Acesso ilimitado ao EXAME Invest, macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo e tecnologia.
Assine

Já é assinante? Entre aqui.