Brasil

TRE do Acre registra 36 ocorrências e 12 pessoas são presas

Das mais de 1,6 mil urnas usadas, 11 precisaram ser substituídas devido a problemas no teclado e horários errados no visor da máquina


	Votação no Acre: 11 urnas foram substiuídas durante a votação no último domingo (5)
 (José Cruz/Agência Brasil)

Votação no Acre: 11 urnas foram substiuídas durante a votação no último domingo (5) (José Cruz/Agência Brasil)

DR

Da Redação

Publicado em 6 de outubro de 2014 às 12h47.

Rio Branco - O Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) divulgou balanço das ocorrências na votação do primeiro turno. No total, 36 ocorrências foram registradas e 12 pessoas, presas por suspeita de crimes eleitorais como boca de urna, compra de votos, propaganda e transporte irregular de eleitores. Entre as pessoas presas duas eram candidatas.

Das mais de 1, 6 mil urnas usadas durante o pleito no estado, 11 precisaram ser substituídas devido a problemas no teclado e horários errados no visor da máquina.

O presidente do TRE-AC, desembargador Adair Longuini, também falou sobre os atrasos na votação desse domingo (5). Na capital Rio Branco, mesmo após o término do horário oficial para o encerramento das eleições, muitos eleitores ainda aguardavam nas filas das seções para votar.

Longuini atribuiu o atraso à votação no sistema biométrico. Segundo ele, tanto eleitores quanto mesários tiveram dificuldades no manuseio do novo sistema. “Este é o primeiro pleito que estamos realizando com o sistema biométrico, estamos aprendendo e vamos tirar experiência disso. Além disso, tivemos seções muito cheias, com muitos eleitores, o que contribuiu para a demora”, disse Longuini que apesar dos contratempos classificou as eleições no estado de tranquilas.

O resultado das eleições no Acre foi divulgado às 23h10 (horário de Brasília). Com 100% das urnas apuradas, o resultado confirmou o segundo turno. A disputa no Acre fica entre os candidatos Tião Viana do PT e Marcio Bittar do PSDB.

Com a totalização dos votos, o resultado foi o seguinte: Tião Viana (PT), com 49,73% dos votos, Marcio Bittar (PSDB), 30,10%, Bocalom (DEM), com 19,61%, e Antonio Rocha (PSOL), com 0,56%.

Acompanhe tudo sobre:AcreEleiçõesEleições 2014GovernadoresPolítica no BrasilPrisões

Mais de Brasil

Em Porto Alegre, Defesa Civil alerta para risco de novos temporais com ‘ventos intensos’ e granizo

Ministério da Saúde amplia vacinação contra dengue; veja nova faixa etária

Reviravolta em julgamento sobre 'sobras eleitorais' pode anular eleição de sete deputados; entenda

Privatização da Sabesp será concluída em 22 de julho; veja os mais cotados para vencer a disputa

Mais na Exame