Brasil

Topázio Neto lidera disputa em Florianópolis com 44,7%, aponta pesquisa Futura/100% Cidades

No primeiro cenário, Topázio tem 44,7%, seguido pelo deputado estadual Marquito (PSOL) com 13,5% e o ex-prefeito da cidade Dário Berger com 11,7%

 (Cristiano Andujar/PMF/Divulgação)

(Cristiano Andujar/PMF/Divulgação)

André Martins
André Martins

Repórter de Brasil e Economia

Publicado em 27 de maio de 2024 às 14h22.

Última atualização em 28 de maio de 2024 às 08h20.

Tudo sobreEleições 2024
Saiba mais

O atual prefeito de Florianópolis, Topázio Neto (PSD), lidera as intenções de voto para a prefeitura da cidade em todos os cenários, seja no 1º turno, seja nas hipóteses testadas de 2º turno, segundo a pesquisa da empresa 100% Cidades, em parceria com a Futura Inteligência, obtida com exclusividade pela EXAME.

No primeiro cenário, Topázio tem 44,7%, seguido pelo deputado estadual Marquito (PSOL) com 13,5% e o ex-prefeito da cidade Dário Berger com 11,7%. Outros sete candidatos não passam de 6% das intenções de voto cada.

Cerca de 11,7% do eleitorado permanece indeciso, enquanto outros 5,5% dizem que vão votar nulo.

  • Topázio (PSD): 44,7%
  • Marquito (PSOL): 13,5%
  • Dário Berger (PSB): 11,7%
  • Pedrão Silvestre (PP): 5,3%
  • Carla Ayres (PT): 3,5%
  • Maryane Mattos (PL): 1,6%
  • Vanderlei Farias (PDT): 1%
  • Ed Pereira: 0,7%
  • João Colbachini (MDB): 0,5%
  • Marcos Vieira (PSDB): 0,3%
  • Branco/nulo: 5,5%
  • Indecisos: 11,7%

Em um segundo cenário, sem Dário Berger, Topázio fica com 43,7% e Marquito registra 12,2%. Pedrão Silvestre (PP) sobe para 8,4% e Carla Ayres (PT) chega a 6,4%. Os eleitores indecisos são 12,5% nessa simulação e 9,35% dizem que votariam nulo ou branco.

O último cenário não considera Carla Ayres, Ed Pereira (União), João Cobalchini (MDB) e Marcos Vieira (PSDB). Nessa simulação, Topázio tem 44%, Marquito 15,7% e Dário Berger, 14,1%. Pedrão Silvestre aparece com 7,4%. Além disso, 12,5% afirmam que estão indecisos e 9,3% votariam nulo ou branco.

Na pesquisa espontânea, Topázio tem 28,4% e Marquito 9,4%. Dário Berger aparece na sequência com 2,1% das intenções de votos, tecnicamente empatado com Pedrão Silvestre, que tem 1,9%. Cerca de 47,2% permanecem indeciso sobre quem votar em outubro.

Topázio vence todos os adversários no segundo turno

Nos cenários de segundo turno, Topázio tem vantagem expressiva em todas as simulações, alcançando mais de 60% das intenções de voto contra Dário Berger, Pedrão Silvestre e Marquito, o único adversário que soma mais de 20% na disputa com o atual prefeito.

A pesquisa Futura/100% cidades foi registrada no TSE como SC-03329/2024 e ouviu 1.000 pessoas entre os dias 12 e 22 de abril, usando a abordagem CATI (entrevista telefônica assistida por computador). A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais para um nível de confiança de 95%.

Quando vai ser a próxima eleição para prefeito?

As eleições municipais de 2024 vão acontecer no dia 6 de outubro de 2024, o primeiro domingo do mês. Já o segundo turno, se houver, deve acontecer no último domingo do mês, dia 27 outubro, nas cidades com mais de 200.000 eleitores em que a candidata ou candidato mais votado à prefeitura não tenha atingido a maioria absoluta, isto é, metade mais um dos votos válidos (excluídos brancos e nulos).

Acompanhe tudo sobre:Eleições 2024Florianópolis

Mais de Brasil

Governo do RS promete investir R$ 86 milhões para fazer 750 casas para vítimas de enchentes

Pressionado por greve, Lula vai anunciar obras e aumento de verba para universidades federais

Deputada Luiza Erundina deixa UTI e é transferida para quarto de hospital em Brasília

Lei que obriga água gratuita em shows avança em São Paulo

Mais na Exame