Acompanhe:

As inscrições para o SISU 2024 (Sistema de Seleção Unificada) estão abertas para os participantes do Enem 2023 que tenham obtido nota maior do que zero.

Diferente dos anos anteriores, em 2024 o SISU terá apenas uma edição, com inscrições abertas até o dia 25 de janeiro de 2024.

Ao todo, segundo o Ministério da Educação (MEC), 127 universidades participarão do Sisu deste ano, com oferta de 264.254 vagas, para o primeiro e o segundo semestre.

Como fazer a inscrição no SISU 2024?

  1. Acesse o sistema de inscrição do Sisu 2024 utilizando seu login e senha no portal do governo federal: https://acessounico.mec.gov.br/;
  2. Durante a inscrição, preencha um questionário socioeconômico que contribuirá para definir seu perfil;
  3. Escolha até duas opções de curso - é possível consultar vagas pelo nome do curso, instituição de ensino ou cidade;
  4. Confirme a inscrição.

É possível realizar alterações nas opções de curso ao longo do período de inscrições, mas a inscrição válida será a última registrada no sistema até o fechamento, em 25 de janeiro de 2024.

Como é feita a seleção dos candidatos no SISU?

A seleção dos candidatos no Sisu é realizada com base em critérios específicos. O sistema avalia a nota obtida pelo estudante na última edição do exame, considerando o limite de vagas disponíveis para cada curso e a modalidade de concorrência escolhida pelos candidatos.

Além disso, o perfil socioeconômico é levado em consideração, especialmente para a Lei de Cotas, que reserva uma porcentagem das vagas para estudantes de escolas públicas e grupos específicos.

Como consultar as notas do Enem 2023?

Os estudantes poderão consultar o resultado oficial do Enem na página do participante.

A inscrição no SISU é gratuita?

A inscrição é gratuita, em uma única etapa e feita pela Internet por meio do Portal Único de Acesso ao Ensino Superior.

Como calcular a nota do Enem?

O Enem define a nota com base na Teoria de Resposta do Item (TRI). Nessa metodologia, o modelo aplicado ao exame considera três parâmetros para cada item. Os itens são posicionados em uma escala de dificuldade, e a nota do candidato é estimada a partir da combinação do nível de dificuldade das perguntas com a coerência das respostas dos estudantes.

Quem erra as questões mais fáceis, mas acerta as difíceis pode acabar ficando com uma nota menor do que quem acertou as perguntas mais fáceis e errou as difíceis. Essa é uma forma de não premiar os chutes. Isso porque, se o candidato acertar as questões mais difíceis e errar as fáceis, o sistema poderá entender que ele deu sorte nas respostas. Ou seja, o resultado do Enem não depende apenas da quantidade de questões que o aluno acertou, mas do nível de dificuldade delas e da coerência pedagógica do conjunto de respostas do candidato. 

O que é e como funciona o Sisu?

O Sisu é um sistema eletrônico administrado pelo Ministério da Educação (MEC) que permite que instituições públicas de ensino superior disponibilizem vagas para candidatos que tenham realizado o Enem (Exame Nacional de Ensino Médio).

A cada edição, as instituições de ensino superior públicas que optam por participar do Sisu anunciam a disponibilidade de vagas em seus cursos. Após o período de inscrições, os candidatos são selecionados de acordo com a ordem de classificação, levando em consideração o curso desejado e a modalidade de concorrência, respeitando o número de vagas disponíveis para cada curso.

O que mudou no SISU 2024?

Diferente dos anos anteriores, o Sisu deste ano terá apenas uma etapa de inscrição, que valerá para cursos com início no primeiro ou no segundo semestre de 2024.

O Sisu 2024 seguirá as alterações estabelecidas na nova Lei de Cotas, sancionada em novembro do ano passado, que reserva no mínimo 50% das vagas em universidades e institutos federais para estudantes que cursaram todo o ensino médio em escolas públicas, além de percentual mínimo correspondente a soma de pretos, pardos e indígenas no estado.

“A nova Lei de Cotas determina que todos concorrerão, primariamente, às vagas gerais, de ampla concorrência. Somente se não alcançar as notas mínimas exigidas nesta modalidade, o candidato passa a concorrer às vagas cotistas, seja por critérios de renda, ou por deficiência de formação básica oriunda de um ensino fundamental mais precarizado”, afirma Alexandre Bastos, diretor geral na Gran Faculdade, que reforça que a nova lei afunila os critérios para o benefício, privilegiando quem mais necessita.

Cronograma Sisu 2024

  • Inscrição: 22 a 25 de janeiro de 2024.
  • Resultado: 30 de janeiro de 2024.
  • Matrícula dos selecionados: 1º a 7 de fevereiro de 2024.
  • Manifestação de interesse na lista de espera: 30 de janeiro a 7 de fevereiro de 2024.

Para mais informações, acesse o edital do Sisu 2024.

Qual o telefone do MEC?

Para esclarecimento de eventuais dúvidas, o MEC oferece suporte por meio do número de telefone 0800-616161, além do portal https://acessounico.mec.gov.br/.

(Com informações da Agência Estado)

Créditos

Últimas Notícias

Ver mais
Aluno é preso suspeito de fazer Enem para candidatos e conseguir aprovação
Brasil

Aluno é preso suspeito de fazer Enem para candidatos e conseguir aprovação

Há uma semana

Começa hoje pagamento de R$ 200 da primeira parcela do Pé-de-Meia
Brasil

Começa hoje pagamento de R$ 200 da primeira parcela do Pé-de-Meia

Há 2 semanas

Comissão do Senado chama Camilo Santana para explicar falhas no Sisu
Brasil

Comissão do Senado chama Camilo Santana para explicar falhas no Sisu

Há 2 meses

Prouni: prazo para comprovar dados termina nesta terça-feira
Brasil

Prouni: prazo para comprovar dados termina nesta terça-feira

Há 2 meses

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais