Brasil

Rio suspende vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a covid-19

Cidade está sem vacina para essa faixa etária

O Rio começou, em 9 de janeiro, a aplicar a dose de reforço nessa faixa etária para aqueles que tivessem tomado a segunda dose há pelo menos quatro meses (Brendan McDermid/Reuters)

O Rio começou, em 9 de janeiro, a aplicar a dose de reforço nessa faixa etária para aqueles que tivessem tomado a segunda dose há pelo menos quatro meses (Brendan McDermid/Reuters)

AB

Agência Brasil

Publicado em 6 de fevereiro de 2023 às 13h17.

Última atualização em 6 de fevereiro de 2023 às 13h17.

O Rio de Janeiro suspendeu a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a covid-19. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a cidade está “desabastecida da vacina” para essa faixa etária e “aguarda a chegada de doses”.

O Rio começou, em 9 de janeiro, a aplicar a dose de reforço nessa faixa etária para aqueles que tivessem tomado a segunda dose há pelo menos quatro meses.

Dose de reforço
De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, 78% das crianças de 5 a 11 anos foram imunizadas com pelo menos uma dose, enquanto 58% receberam as duas primeiras doses. Mas apenas 7% buscaram a dose de reforço.

Ainda segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a vacina para pessoas a partir de 12 anos está sendo oferecida normalmente nas unidades de saúde.

Acompanhe tudo sobre:CoronavírusCriançasvacina contra coronavírus

Mais de Brasil

Morre aos 94 anos a economista Maria da Conceição Tavares

Governo abre consulta pública para novo modelo de pedágio

Governo do RS promete investir R$ 86 milhões para fazer 750 casas para vítimas de enchentes

Mais na Exame