Brasil

Quem são os 26 brasileiros citados por ora no Panama Papers

Segundo a investigação, ao menos 107 offshores foram criadas para pelo menos 57 brasileiros envolvidos no esquema de corrupção na Petrobras.

Mossack Fonseca: 11,5 milhões de documentos revelam que a empresa operava na ocultação de dinheiro e patrimônio de políticos e figuras públicas ao redor do mundo (Reinhard Krause/ Reuters)

Mossack Fonseca: 11,5 milhões de documentos revelam que a empresa operava na ocultação de dinheiro e patrimônio de políticos e figuras públicas ao redor do mundo (Reinhard Krause/ Reuters)

Valéria Bretas

Valéria Bretas

Publicado em 6 de abril de 2016 às 17h25.

Última atualização em 6 de novembro de 2017 às 11h53.

São Paulo – Entre as figuras públicas citadas nos documentos do maior vazamento sobre corrupção da história, 26 já tiveram o seu nome divulgado. O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, o ex-deputado federal João Lyra e o senador Edison Lobão aparecem vinculados ao esquema de paraísos fiscais no exterior.

A investigação revela que ao menos 107 offshores (empresas abertas no exterior em paraísos fiscais) foram criadas para pelo menos 57 brasileiros envolvidos no esquema de corrupção na Petrobras. Os outros personagens devem ser revelados nas próximas reportagens da série Panama Papers, que obteve os documentos.

"As offshores são ligadas à empreiteira Odebrecht e às famílias Mendes Júnior, Schahin, Queiroz Galvão, Feffer (controladora do grupo Suzano) e a Walter Faria, do Grupo Petrópolis", diz o Panama Papers.

O vazamento global foi divulgado no último domingo (3) pelo Consórcio Internacional de Jornalistas de Investigação (ICIJ) na reportagem Panama Papers. Cerca de 11,5 milhões de documentos oriundos das atividades da empresa Mossack Fonseca revelaram que a companhia operava na ocultação de dinheiro de políticos e figuras públicas ao redor do mundo.

De acordo com a rede internacional de jornalistas, a Mossack Fonseca já era investigada pela Operação Lava Jato desde janeiro deste ano, quando a Polícia Federal deflagrou a 22ª etapa que mirou nas atividades da empresa.

O jornal britânico, The Guardian, destacou alguns pontos importantes sobre a fonte do vazamento, a empresa Mossack Fonseca. Veja abaixo.

O que é a Mossack Fonseca?

É uma consultoria e firma de advocacia do Panamá que presta serviços como a incorporação de empresas a jurisdições offshore, tais como as Ilhas Virgens Britânicas, além da administração dessas firmas por uma taxa anual.

A Mossack Fonseca é a quarta maior fornecedora de serviços offshore do mundo e já foi contratada por mais de 300 mil empresas. Quase metade dos seus clientes está registrada em paraísos fiscais administrados pela coroa britânica, ou no próprio Reino Unido.

Quem são os clientes da Mossack Fonseca?

A operação da firma internacional de origem panamenha é sustentada por 600 colaboradores em 42 países. A Mossack Fonseca opera em paraísos fiscais como as Ilhas Virgens Britânicas, o Chipre e a Suíça, além de territórios britânicos como Guernsey, Jersey e Isle of Man.

Veja quem são os brasileiros citados direta ou indiretamente na série Panama Papers.

NomeCargo atualPartido
Ângelo Marcus de Lima CotaDiretor financeiro da empreiteira Mendes Júnior#
Carlos de Queiroz GalvãoSócio controlador da construtora Queiroz Galvão#
Carlos Eduardo SchahinEmpresário e ex-diretor do Banco Schahin#
Delfim NettoEconomista e ex-ministro da fazenda#
Edison LobãoSenador(PMDB-MA)
Eduardo CunhaPresidente da Câmara dos Deputados(PMDB-RJ)
Etivaldo Vadão GomesEx-deputado federalPP
Gabriel Nascimento de LacerdaFilho do prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB)#
Jefferson EustáquioSuperintendente da empreiteira Mendes Júnior#
Jésus Murilo Vale MendesPresidente da empreiteira Mendes Júnior#
João Augusto Rezende HenriquesEmpresário#
João LyraEx-deputado(PSD-AL)
José Augusto Ferreira dos SantosEx-banqueiro e amigo do Senador Edison Lobão#
Luciano LobãoFilho do senador Edison Lobão (PMDB-MA)#
Luiz Eduardo da Rocha SoaresEx-executivo da Odebrecht#
Milton de Oliveira Lyra FilhoEmpresário#
Newton CardosoEx-governador de MG(PMDB-MG)
Newton Cardoso JrDeputado Federal(PMDB-MG)
Olívio Rodrigues JúniorSócio da empresa JR Graco Assessoria e Consultoria Financeira#
Saul SabbáDiretor Presidente do Banco Máxima#
Sérgio GuerraEx-senador e ex-presidente nacional do PSDB(PSDB)

Veja quem são os personagens com offshores legais:

NomeCargo atualPartido
Gabriel Junqueira PamplonaFilho de Paulo Skaf, presidente da FIESP#
Max Roberto BornholdtAdvogado na Bornholdt Advogados e Ex-secretario de Estado da Fazenda de Santa Catarina#
Paulo OctávioEx-governador do DFPP
Rodrigo Meyer BornholdtAdovgado na Bornholdt Advogados - foi candidato a deputado estadual em Santa Catarina pelo PDT#
Família FefferControladora do grupo Suzano#

 

Acompanhe tudo sobre:CorrupçãoEscândalosFraudesPanama PapersPolítica no Brasil

Mais de Brasil

Pressionado por 'efeito Marçal', Nunes anuncia coronel da Rota como vice nesta sexta

Toffoli abre divergência e STF não forma maioria para descriminalizar porte de maconha

Moraes Arquiva Inquérito contra Google e Telegram sobre PL das Redes Sociais

Governo autoriza uso da Força Nacional no RS por 30 dias

Mais na Exame