Brasil

Julho deve ter frente fria polar e altas temperaturas na região central do Brasil, alerta Inmet

Previsão é de clima mais seco e temperaturas altas, seguidas por frente 'gelada' e muita chuva

Publicado em 27 de junho de 2024 às 06h39.

Uma frente fria de origem polar e chuvas acima da média chegam na região Norte e na parte leste das regiões Nordeste, Sudeste e Sul junto com o começo do mês de julho, de acordo com a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), que também prevê aumento das temperaturas na área centro-norte do país.

Segundo o MetSul, a frente fria deve chegar depois de uma sequência de temperaturas “muito acima da média”, como vem acontecendo em junho. Embora a chuva aumente em alguns pontos do Brasil, o inverno ainda será mais secoem grande parte das regiões Centro-Oeste e Sudeste, além do sul da Região Norte, o interior da Região Nordeste e o oeste da Região Sul, como é caracteristico da estação.

Nestas áreas, o Inmet alerta para os riscos da diminuição da umidade do ar, como o aumento de queimadas e incêndios florestais, além da maior incidência de doenças respiratórias. Outra consequência são as temperaturas altas, que devem afetar principalmente a divisa do sul do Pará com Mato Grosso e Tocantins, onde os termômetros podem marcar até 26ºC.

No Sul e no Sudeste, a expectativa é que as temperaturas fiquem abaixo da média. O Inmet destaca áreas de maior altitude dessas regiões, onde a previsão é de mínimas próximas a 14ºC. O Instituto não descarte a possibilidade de geadas, ocasionadas pela entrada de massas de ar frio, que costumam baixar as temperaturas nesta época

Como fica o clima na primeira semana de julho?

Regiões Centro-Oeste e Sudeste: segundo o Inmet, há previsão de tempo quente e seco. No Sudeste, uma frente fria pode avanças e provocar chuvas, principalmente no litoral paulista. A previsão também inicia chuvas fracas no sul do Mato Grosso do Sul.

Região Sul: a perspectiva para os próximos dias é de chuvas no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e no centro-sul do Paraná, além de ventos fortes e queda de granizo. Para esta quinta-feira, dia 27, o Inmet emitiu um alerta de perigo para algumas áreas de Santa Catarina.

Região Norte: a semana será de pancada de chuvas, ocasionadas pela combinação do calor e alta umidade. Serão afetadas áreas do noroeste do Amazonas e do Pará, e os estados de Roraima e Amapá.

Região Nordeste: No leste da região, a previsão é de chuvas; e de pancadas de chuvas no litoral nordestino. No interior, o clima deve ficar quente e sem chuva.

 

Acompanhe tudo sobre:BrasilClimaSudesteSulCentro-OesteRegião NorteRegião Nordeste

Mais de Brasil

Novo oficializa candidatura de Marina Helena à prefeitura de SP com coronel da PM como vice

Estudo da Nasa aponta que Brasil pode ficar 'inabitável' em 50 anos; entenda

Temperatura acima de 30°C para 13 capitais e alerta de chuva para 4 estados; veja previsão

Discreta, Lu Alckmin descarta ser vice de Tabata: 'Nunca serei candidata'

Mais na Exame