Brasil
Acompanhe:

Gleisi confirma que Lula vai à COP-27 e estuda melhor data

O evento ocorrerá entre os dias 6 e 18 de novembro em Sharm El Sheikh, no Egito

 (EVARISTO SA/AFP)

(EVARISTO SA/AFP)

D
Da redação, com agências

Publicado em 1 de novembro de 2022, 15h35.

A presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, confirmou nesta terça, 1º, que o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT) irá participar da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2022 (COP-27). O evento ocorrerá entre os dias 6 e 18 de novembro em Sharm El Sheikh, no Egito.

Como mostrou a reportagem nesta segunda, 31, o petista foi convidado a integrar a comitiva do governador do Pará, Helder Barbalho, em nome do Consórcio de Governadores da Amazônia Legal e aproveitará o evento para reforçar para o mundo seu compromisso com a agenda ambiental.

Na segunda-feira, o presidente do Egito reforçou o convite para o presidente eleito. "Convido você a vir ao Egito para participar da cúpula climática global COP27 em Sharm el-Sheikh", disse o presidente egípcio, Abdel Fatah al-Sissi, segundo o porta-voz presidencial. Gleisi não confirmou as datas da viagem, mas disse que a ida já está decidida.

Lula pode se encontrar com líderes mundiais no encontro, como o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, por exemplo. Não está prevista a ida de Bolsonaro para a COP-27, até o momento.

Mais de 90 chefes de Estado e de governo comparecerão ao encontro climático no resort egípcio de Sharm el-Sheij entre 6 e 18 de novembro.