Brasil

Escola de Manaus é evacuada após suspeita de bomba

Grupamento de Manejo de Artefatos Explosivos (Marte) efetuou a explosão de dois objetos suspeitos

Eleições: foram quase três horas de espera para quem teve que deixar a unidade de ensino após o alerta (Marri Nogueira/Agência Senado)

Eleições: foram quase três horas de espera para quem teve que deixar a unidade de ensino após o alerta (Marri Nogueira/Agência Senado)

DR

Da Redação

Publicado em 5 de outubro de 2014 às 17h15.

Manaus - Uma suspeita de bomba na Escola Municipal Senador Cândido Honório Ferreira, na zona oeste de Manaus, assustou os eleitores que foram ao local por volta das 12h deste domingo, 5.

O local foi evacuado pela Polícia Militar e, por volta das 14h30, o Grupamento de Manejo de Artefatos Explosivos (Marte) efetuou a explosão de dois objetos suspeitos.

Foram quase três horas de espera para quem teve que deixar a unidade de ensino após o alerta. Duas horas depois da evacuação, a assessoria da PM confirmou que não havia bombas no local e que os artefatos eram garrafas pet enroladas com fios de eletricidade.

Para a PM, o responsável por colocar o artefato no banheiro da escola tinha a intenção apenas de assustar as pessoas no local. O responsável por introduzir os objetos na escola não foi identificado.

Às 14h50, os policiais encerraram uma 'varredura' na escola e o isolamento foi retirado. De acordo com o secretário da zona eleitoral, a votação no local deverá continuar normalmente, até às 17h.

Situada no bairro Alvorada, a escola conta com 16 seções. Aproximadamente 4,3 mil pessoas votam na zona eleitoral.

Acompanhe tudo sobre:AmazonasEleiçõesEleições 2014Política no Brasilseguranca-digital

Mais de Brasil

Pressionado por 'efeito Marçal', Nunes anuncia coronel da Rota como vice nesta sexta

Toffoli abre divergência e STF não forma maioria para descriminalizar porte de maconha

Moraes Arquiva Inquérito contra Google e Telegram sobre PL das Redes Sociais

Governo autoriza uso da Força Nacional no RS por 30 dias

Mais na Exame