Brasil

Bolsonaro recebe alta e deixa hospital após exames preparatórios para três cirurgias

Ex-presidente pretende viajar para Barretos, no interior de São Paulo, onde será homenageado pela Câmara Municipal

Bolsonaro: ex-presidente foi declarado inelegível por oito anos pelo TSE no mês passado (Ton Molina/Bloomberg/Getty Images)

Bolsonaro: ex-presidente foi declarado inelegível por oito anos pelo TSE no mês passado (Ton Molina/Bloomberg/Getty Images)

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo

Agência de notícias

Publicado em 24 de agosto de 2023 às 17h22.

Última atualização em 24 de agosto de 2023 às 18h01.

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) recebeu alta na tarde desta quinta-feira, 24, após fazer exames no hospital Vila Nova Star, em São Paulo.

Ele foi internado na quarta-feira para os procedimentos que são preparatórios para três cirurgias que deve fazer em setembro. Ele deixou o hospital de carro, pouco depois das 15h, e não falou com a imprensa, no dia em que o filho Jair Renan é alvo da Polícia Federal.

Receba as notícias mais relevantes do Brasil e do mundo em primeira mão. Inscreva-se no Telegram da Exame

Com a alta, Bolsonaro pretende viajar para Barretos, no interior de São Paulo, onde será homenageado pela Câmara Municipal da cidade com um título de cidadão honorário na tradicional festa do peão, que movimenta o município. A homenagem será entregue nesta sexta-feira, 25.

O ex-presidente já fez cinco cirurgias desde que sofreu uma facada em Juiz de Fora, durante a campanha presidencial de 2018. A última se deu nos Estados Unidos, em janeiro. No dia 9 daquele mês, um dia após os atos de invasão e depredação das sedes dos Três Poderes por seus apoiadores, em Brasília, ele sentiu dores abdominais e precisou tratar de uma aderência em uma hérnia incisional.

Antes, ele já havia operado em São Paulo, em setembro de 2019, quando o atentado completou um ano. As outras três cirurgias foram realizadas nos dias posteriores ao atentado, na Santa Casa de Juiz de Fora e depois no Hospital Israelita Albert Einstein.

Acompanhe tudo sobre:Jair Bolsonaro

Mais de Brasil

Base aérea de Canoas começa a receber voos comerciais nesta segunda

Governo libera 7,2 bilhões para comprar arroz importado

Guitarrista da banda Afrocidade morre após ser espancado na Bahia

Como irá funcionar o sistema de câmeras usadas por PMs; governo Tarcísio detalha

Mais na Exame