Brasil

Bolsonaro confirma presença na posse de ministros do STJ

Messod Azulay Neto e Paulo Sérgio Domingues foram escolhidos por Bolsonaro

Jair Messias Bolsonaro: Nomes indicados pelo presidente foram aprovados pelo Senado em 22 de novembro (Alan Santos/PR/Flickr)

Jair Messias Bolsonaro: Nomes indicados pelo presidente foram aprovados pelo Senado em 22 de novembro (Alan Santos/PR/Flickr)

EC

Estadão Conteúdo

Publicado em 5 de dezembro de 2022 às 19h31.

Última atualização em 5 de dezembro de 2022 às 19h40.

O presidente Jair Bolsonaro (PL) confirmou presença na posse de dois novos ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que será realizada amanhã, às 17h, na sede da Corte.

Messod Azulay Neto e Paulo Sérgio Domingues, oriundos respectivamente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) e da 3ª Região (TRF3), foram escolhidos por Bolsonaro em 11 de maio por meio de lista formada pelo STJ.

Receba as notícias mais relevantes do Brasil e do mundo na newsletter gratuita EXAME Desperta.

Em 22 de novembro, os nomes foram aprovados pelo Senado. Eles ocuparão as cadeiras do ministro Napoleão Nunes Maia Filho, que se aposentou em dezembro de 2020, e Nefi Cordeiro, que deixou o STJ em março de 2021.

LEIA TAMBÉM:

Acompanhe tudo sobre:STJ

Mais de Brasil

Pesquisa encontra agrotóxicos em alimentos ultraprocessados com apelo ao público infantil

STF cria marco civilizatório ao proibir exposição de vida sexual de vítima, dizem advogados

Seguradoras irão pagar, no mínimo, R$ 1,6 bilhão em indenizações no Rio Grande do Sul

Governo libera verba extra de R$ 22 milhões para as universidades do RS

Mais na Exame