Acompanhe:

Augusto Heleno anuncia Frank Márcio de Oliveira como novo diretor da Abin

Diretor-adjunto da órgão, Oliveira substituirá o delegado Alexandre Ramagem que foi confirmado como novo chefe da Polícia Federal

Modo escuro

Continua após a publicidade
General Augusto Heleno (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

General Augusto Heleno (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

E
Estadão Conteúdo

Publicado em 28 de abril de 2020 às, 17h37.

Última atualização em 28 de abril de 2020 às, 19h11.

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, anunciou nesta terça-feira, 28, Frank Márcio de Oliveira como novo diretor-geral da Agência de Inteligência Brasileira (Abin). Diretor-adjunto da órgão, Oliveira substituirá o delegado Alexandre Ramagem que foi confirmado como novo chefe da Polícia Federal.

"Levei ao presidente da República o nome do sr. Frank Márcio de Oliveira para ser o novo diretor da Abin. É oficial de inteligência, com mais de 20 anos de carreira e ampla experiência na atividade. Tenho convicção que a agência seguirá em boas mãos", escreveu Heleno.

O ministro-chefe do GSI também agradeceu Ramagem, que comandou a agência de inteligência nos últimos oito meses. Segundo Heleno, o ex-chefe da ABIN ampliou a aproximação com a Polícia Federal, que agora passa a comandar.

"Agradeço ao delegado Ramagem pelo excelente trabalho como diretor da ABIN. Ampliou a saudável aproximação com a Polícia Federal e incentivou uma inteligência mais ágil. Como exige a era digital. Cumpriu cabalmente sua missão em um ótimo ambiente de trabalho", destacou o ministro.

 

Últimas Notícias

Ver mais
CPMI do 8 de janeiro ouve general Augusto Heleno, ex-ministro do GSI de Bolsonaro, nesta terça
Brasil

CPMI do 8 de janeiro ouve general Augusto Heleno, ex-ministro do GSI de Bolsonaro, nesta terça

Há 6 meses

Governo não teve tempo de cuidar da Amazônia e do Pantanal, diz Heleno
Brasil

Governo não teve tempo de cuidar da Amazônia e do Pantanal, diz Heleno

Há 3 anos

Despesas do governo com a pandemia somam R$ 1 trilhão, diz ministro
Brasil

Despesas do governo com a pandemia somam R$ 1 trilhão, diz ministro

Há 3 anos

Brasil pode retaliar países que adotem políticas de boicote, diz Heleno
Brasil

Brasil pode retaliar países que adotem políticas de boicote, diz Heleno

Há 3 anos

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais