• BVSP 120.705,91 pts +0,8%
  • USD R$ 5,3094 +0,0002
  • EUR R$ 6,4207 +0,0093
  • ABEV3 R$ 16,9 +0,18%
  • BBAS3 R$ 31,12 +2,54%
  • BBDC4 R$ 24,56 +1,91%
  • BRFS3 R$ 20,42 -2,99%
  • BRKM3 R$ 51,28 +0,31%
  • BRML3 R$ 10,3 +1,28%
  • BTOW3 R$ 60,01 +2,46%
  • CSAN3 R$ 21,6 +1,12%
  • ELET3 R$ 40,05 +6,74%
  • EMBR3 R$ 15,44 -0,83%
  • Petróleo US$ 66,70 -0,43%
  • Ouro US$ 1.826,30 -0,03%
  • Prata US$ 27,11 -0,26%
  • Platina US$ 1.221,10 +0,88%

Quer ser um trader? Atom faz evento online e gratuito com primeiros passos

Semana Grana, Money e Bufunfa acontece de 14 a 21 de setembro e é oportunidade para começar na profissão de trader da bolsa de valores; inscreva-se

Por que as pessoas querem ficar ricas? Essa pergunta pode ter milhares de respostas diferentes. Pode ser para comprar o melhor carro, ter uma mansão, ou cuidar da família sem preocupações com dinheiro. O motivo não importa, mas existe uma razão principal que une todo mundo, a vontade de alcançar sua liberdade financeira

A principal dúvida é como começar a fazer isso. Informação não falta, é possível encontrar o passo a passo para investir através da internet, mas como organizar essas informações? É este o desafio que vários sites, empresas e pessoas tentam resolver todos os dias. Uma oportunidade para começar a entender o que é a jornada dos investimentos é a Semana Grana, Money e Bufunfa

O evento, online e gratuito, começou nesta segunda-feira, 14, e tem a duração de sete dias. A proposta do movimento criado por Carol Paiffer, CEO da Atom, é ajudar as pessoas a sair do zero e entender o passo a passo para ganhar dinheiro com o mercado financeiro. “Esse movimento representa a minha missão de vida, que é ajudar a mudar a educação financeira no Brasil”, conta Carol. 

A Semana Grana, Money e Bufunfa terá lives explicando temas básicos de investimentos, e no dia 21 de setembro ocorrerá o último encontro online com Carol. As inscrições para participar do evento são gratuitas, e podem ser feitas por meio da página oficial do movimento, acesse aqui.

A Atom surgiu com o nome de Paiffer Investimentos, quando os irmãos Carol e Joaquim Paiffer se uniram a dois traders e iniciaram o projeto com capital próprio de 1 milhão de reais. Em um campeonato que durou três meses, a empresa fez a primeira seleção de traders, que a levou a ser uma companhia que treina operadores da bolsa de valores. 

Hoje, o foco da Atom é treinar, avaliar pessoas e dar dinheiro para que elas operem, e, nesse processo de estruturação de negócios, os fundadores perceberam a defasagem de educação financeira na população. 

Veja também:
Os primeiros passos para investir na bolsa

No Brasil, praticamente metade da população está endividada e apenas 38% das pessoas conseguiram guardar algum dinheiro em 2019. De acordo com a pesquisa “Raio X do Investidor Brasileiro”, feita pela Anbima, do total de brasileiros que conseguiram poupar alguma quantia, nem metade investiu. 

Este déficit de conhecimento estimulou a Atom a abrir uma nova frente de negócios recentemente. A Atom Educacional se coloca como uma porta de entrada para o mercado financeiro, com o objetivo de levar não só este conhecimento mas também a oportunidade de uma nova profissão, a de trader. A promessa é de treinar desde pessoas que não têm nenhum conhecimento na área até os mais entendidos do assunto. 

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.