Exame.com
Continua após a publicidade

A área de TI está a salvo da crise econômica?

Daniel Pagano, diretor da Kelly Services, fala sobre a saúde do mercado de tecnologia da informação em meio à crise econômica brasileira

A área de TI está a salvo da crise econômica?
C
Claudia Gasparini

Publicado em 15 de janeiro de 2016 às, 07h00.

Última atualização em 6 de dezembro de 2018 às, 15h51.

São Paulo - A crise econômica está prejudicando o mercado de trabalho como um todo, mas algumas áreas são menos afetadas do que outras. Será TI uma delas? Quem responde é Daniel Pagano, diretor da Kelly Services, em mais um dos vídeos de carreira de EXAME.com:

Continua após a publicidade

Veja Também

Fleury entra em SC com aquisição pequena — mas estratégica
Exame IN

Há 5 horas • 3 min de leitura

Fleury entra em SC com aquisição pequena — mas estratégica

O discreto Corolla Cross chega com novo visual. Quer saber o preço?
Casual

Há 6 horas • 2 min de leitura

O discreto Corolla Cross chega com novo visual. Quer saber o preço?

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Ordem judicial retira da oposição venezuelana o controle de um de seus maiores partidos
Mundo

Há 6 horas • 4 min de leitura

Ordem judicial retira da oposição venezuelana o controle de um de seus maiores partidos

Equador captura líder criminoso foragido que ameaçou procuradora-geral
Mundo

Há 6 horas • 4 min de leitura

Equador captura líder criminoso foragido que ameaçou procuradora-geral

Polônia indica que poderia abrigar armas nucleares de outros membros da Otan para conter Rússia
Mundo

Há 6 horas • 2 min de leitura

Polônia indica que poderia abrigar armas nucleares de outros membros da Otan para conter Rússia

Conflitos por terra batem recorde no Brasil no primeiro ano do governo Lula
Brasil

Há 7 horas • 3 min de leitura

Conflitos por terra batem recorde no Brasil no primeiro ano do governo Lula

Após prisões em Columbia, protestos contra a guerra em Gaza se espalham por universidades dos EUA
Mundo

Há 7 horas • 7 min de leitura

Após prisões em Columbia, protestos contra a guerra em Gaza se espalham por universidades dos EUA