• AALR3 R$ 19,70 -0.25
  • AAPL34 R$ 73,76 0.27
  • ABCB4 R$ 17,02 3.28
  • ABEV3 R$ 14,74 0.34
  • AERI3 R$ 3,94 -10.05
  • AESB3 R$ 10,82 0.84
  • AGRO3 R$ 31,64 0.09
  • ALPA4 R$ 21,47 -1.01
  • ALSO3 R$ 20,22 1.76
  • ALUP11 R$ 26,38 0.73
  • AMAR3 R$ 2,48 4.20
  • AMBP3 R$ 30,37 2.50
  • AMER3 R$ 23,07 -2.49
  • AMZO34 R$ 72,52 1.38
  • ANIM3 R$ 5,71 2.88
  • ARZZ3 R$ 82,44 -0.40
  • ASAI3 R$ 15,89 3.38
  • AZUL4 R$ 22,11 4.00
  • B3SA3 R$ 11,92 2.32
  • BBAS3 R$ 36,41 2.80
  • AALR3 R$ 19,70 -0.25
  • AAPL34 R$ 73,76 0.27
  • ABCB4 R$ 17,02 3.28
  • ABEV3 R$ 14,74 0.34
  • AERI3 R$ 3,94 -10.05
  • AESB3 R$ 10,82 0.84
  • AGRO3 R$ 31,64 0.09
  • ALPA4 R$ 21,47 -1.01
  • ALSO3 R$ 20,22 1.76
  • ALUP11 R$ 26,38 0.73
  • AMAR3 R$ 2,48 4.20
  • AMBP3 R$ 30,37 2.50
  • AMER3 R$ 23,07 -2.49
  • AMZO34 R$ 72,52 1.38
  • ANIM3 R$ 5,71 2.88
  • ARZZ3 R$ 82,44 -0.40
  • ASAI3 R$ 15,89 3.38
  • AZUL4 R$ 22,11 4.00
  • B3SA3 R$ 11,92 2.32
  • BBAS3 R$ 36,41 2.80
Abra sua conta no BTG

Huawei fecha acordo com Volkswagen para usar 4G em automóveis

O acordo inclui uma licença para as patentes 4G da Huawei e será usado nos veículos Volkswagen que usarem conectividade sem fio
A Huawei apresentou o novo contrato como o mais importante que já assinou no setor automobilístico (Getty Images/Jason Alden/Bloomberg)
A Huawei apresentou o novo contrato como o mais importante que já assinou no setor automobilístico (Getty Images/Jason Alden/Bloomberg)
Por AFPPublicado em 07/07/2021 11:20 | Última atualização em 08/07/2021 19:59Tempo de Leitura: 2 min de leitura

A gigante chinesa das telecomunicações Huawei anunciou, nesta quarta-feira (7), que assinou um contrato de licença com um fornecedor da Volkswagen, que permitirá usar suas tecnologias 4G no veículos conectados do fabricante alemão.

  • Quais são as tendências entre as maiores empresas do Brasil e do mundo? Assine a EXAME e saiba mais.

O grupo privado com sede em Shenzhen (sul da China) está há vários meses tentando se diversificar em todas as áreas, devido às sanções americanas que prejudicam sua rede de fornecimento e sua produção de smartphones.

A Huawei apresentou o novo contrato como o mais importante que já assinou no setor automobilístico. No entanto, não revelou o nome do fornecedor ou o valor da transação.

O acordo inclui uma licença para as patentes 4G da Huawei e será aplicado aos veículos Volkswagen que usarem conectividade sem fio.

Os Estados Unidos, que acusam o grupo de telecomunicações de espionar para Pequim, proibiu seu acesso ao mercado em seu território. Washington também cortou a Huawei de suas principais redes de fornecimento e convocou seus aliados a retirarem suas equipes de suas redes de telecomunicações.

A Alemanha, para quem a China é um mercado crucial, ainda não respondeu favoravelmente às pressões americanas.

O grupo chinês nega veementemente as acusações dos Estados Unidos e afirma que não há evidências que comprovem suas acusações.

Gigante mundial de equipamentos dedicados às redes de telecomunicações - e antes um dos três principais vendedores de smartphones -, a Huawei foi obrigada a recorrer a outros setores de atividade para sobreviver.

Por exemplo, a empresa acelerou sua diversificação na informática desmaterializada ("cloud") e nos veículos conectados, além do 5G, no qual já é um dos líderes do mercado.