Apple pede desculpas após serviços ficarem fora do ar

A página da gigante da tecnologia mostrava a App Store, o iTunes, o iBooks Store e o Mac App Store fora do ar das 6h00 (horário de Brasília) às 17h30

Washington - A Apple pediu desculpas aos usuários nesta quarta-feira depois que suas lojas on-line ficaram fora do ar por quase 12 horas, afetando consumidores de todo o mundo.

A página da gigante da tecnologia mostrava a App Store, o iTunes, o iBooks Store e o Mac App Store fora do ar das 06h00 (horário de Brasília) às 17h30.

Interrupções similares foram registradas nos serviços on-line da Apple na Grã-Bretanha e na França. O "The Next Web", um site internacional de notícias sobre tecnologia, informou sobre relatos de interrupções em mais de 40 países.

"Pedimos desculpas aos nossos clientes que tiveram problemas com o iTunes e outros serviços nesta manhã", disse a Apple em comunicado enviado à AFP, justificando a falha com um problema no servidor interno.

"Estamos trabalhando para que todos os serviços voltem ao ar o mais rápido possível, e agradecemos a paciência de todos", afirmou a empresa.

Os serviços de e-mail e iCloud também foram afetados, mas aparentemente voltaram a funcionar após quatro horas.

Outros serviços, como FaceTime, de mensagens e Apple TV aparentemente não tiveram problemas.

A interrupção impediu que usuários de iPhones e iPads façam o download de músicas ou instalem e atualizem aplicativos em seus aparelhos.

A notícia chega dois dias após a empresa anunciar os detalhes de seu relógio inteligente, que começará a ser vendido no dia 24 de abril.

A empresa da Califórnia anunciou no evento da última segunda-feira que mais de 700 milhões de celulares iPhone foram vendidos desde seu lançamento, em 2007.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.