Tecnologia

Amazon abre loja de aplicativos e ganha processo da Apple

Apple havia entrado na Justiça por causa do nome "Appstore", semelhante à loja da empresa

Android: loja online venderá aplicativos para o sistema operacional do Google (Niall Kennedy/Flickr)

Android: loja online venderá aplicativos para o sistema operacional do Google (Niall Kennedy/Flickr)

DR

Da Redação

Publicado em 9 de junho de 2011 às 20h43.

Washington - A livraria on-line Amazon lançou nesta terça-feira sua loja "Amazon Appstore", de aplicativos para aparelhos que funcionam com o sistema operacional Google Android, com o que virou alvo de um processo da Apple por usar um nome similar ao de seu "App Store".

A empresa com sede em Seattle divulga sua loja de aplicativos "Amazon Appstore for Android" no endereço www.amazon.com/appstore.

Em seu processo aberto na semana passada, a Apple pediu a um tribunal da Califórnia que proíba à Amazon usar um nome muito parecido com sua "App Store", o serviço lançado em julho de 2008.

A nova loja on-line permite à Amazon posicionar-se no crescente mercado de aplicativos. O Google, por sua parte, já lançou seu "Android Market".

Acompanhe tudo sobre:AmazonAndroidAppsComércioEmpresasEmpresas americanasEmpresas de internetGoogleInternetlojas-online

Mais de Tecnologia

Novo app permite instalar jogos retrô da Nintendo no iPhone; saiba como

Neuralink, de Elon Musk, fará teste de implante cerebral em novo voluntário

Contra Huawei, Apple corta preço de iPhone na China

TikTok passa a testar vídeos de 60 minutos e acirra disputa com YouTube

Mais na Exame