Um guia para seu e-mail promocional não virar um spam irritante

Afinal, aquele e-mail que você manda para seu cliente ajuda nas vendas ou só irrita quem recebe? Veja como fazer essa divulgação do jeito certo:
 (./Thinkstock)
(./Thinkstock)
M
Mônica Lobenschuss, especialista em marketing digital

Publicado em 04/11/2016 às 15:00.

Última atualização em 04/11/2016 às 15:00.

Uma das principais dúvidas do empreendedor é sobre o relacionamento com os clientes que estão começando a conhecer o negócio e já passam a receber e-mails promocionais ou informativos. Será que eles vão fugir? Como conhecer esse limite?

A resposta é muito simples: transforme a sua divulgação em um relacionamento! Isso significa mudar o foco da venda direta para uma espécie de namoro, uma verdadeira conquista.

Como em qualquer relacionamento, use estratégia: mostre as suas vantagens e conte histórias interessantes, para estabelecer uma conexão positiva e encantar o outro lado.

Comprovadamente, os conteúdos com valor agregado, relevantes para os clientes, trazem mais conversão que e-mails apenas promocionais ou informativos, pois os últimos só atendem os interesses de quem vende.

Então, anote as principais dicas para transformar a sua divulgação em uma conquista e, claro, aumentar as suas vendas:

- O primeiro passo é conhecer o seu público-alvo em detalhes, para entender o que é importante para essas pessoas e o que pode funcionar na comunicação com eles, além da linguagem adequada.

- Capriche no visual do seu boletim, para mostrar que a empresa está bem preparada e se preocupa com a imagem e a qualidade.

- Antes de publicar as suas ofertas e portfólio de produtos e serviços, conte algo bacana, ligado ao seu segmento: pode ser uma dica para resolver problemas, uma tendência mundial, uma pesquisa, depoimentos de clientes sobre os resultados que tiveram com o seu produto, notícias da imprensa sobre a sua marca etc.

- Aposte em links, para que o texto completo seja lido no blog que está no seu site. Assim, você aumenta a audiência da sua página e melhora a posição dela nos mecanismos de busca, como o Google.

- Use os principais gatilhos mentais nos seus textos, como o da autoridade (mostre por que você é diferenciado na sua entrega) e o da prova social (disponibilize depoimentos de clientes satisfeitos, para comprovar os resultados), por exemplo, além de abordar informações que eliminem, antecipadamente, as objeções que normalmente aparecem na mente dos clientes.

É muito importante que a sua comunicação tenha uma periodicidade, que funcione bem, sem exageros. Você pode mandar o boletim uma vez por mês, por exemplo. E lembre-se de oferecer, sempre, a opção de descadastrar as pessoas que não queiram mais receber.

Mônica Lobenschuss é fundadora da Social Lounge.

Envie suas dúvidas sobre marketing e redes sociais para pme-exame@abril.com.br.