Acompanhe:

De olho no Brasil, startup do Vale do Silício capta R$ 250 mi

Rodada de captação da Duda, plataforma de construção de sites, foi liderada pela empresa de investimentos israelense Claridge IL; recursos serão utilizados para ampliar atuação global da companhia no Brasil e América Latina

Modo escuro

Continua após a publicidade
Alessandra Sadan, VP da Duda na América Latina: empresa recebeu US$ 50 milhões para expandir (Duda/Divulgação)

Alessandra Sadan, VP da Duda na América Latina: empresa recebeu US$ 50 milhões para expandir (Duda/Divulgação)

M
Maria Clara Dias

Publicado em 15 de junho de 2021 às, 13h06.

A Duda, plataforma de construção de sites, acaba de anunciar uma rodada de captação de 50 milhões de dólares, o equivalente a 250 milhões de reais. A rodada série D foi liderada pela Claridge IL, empresa de investimentos israelense voltada a negócios de tecnologia e inovação, e também teve a participação dos fundos Susquehanna Growth Equity e Vintage Investment Partners.

  • A pandemia mostrou que a inovação será cada dia mais decisiva para seu negócio. Encurte caminhos, e vá direto ao ponto com o curso Inovação na Prática

Atualmente a Duda tem sua maior unidade em Tel Aviv, capital de Israel, com 100 profissionais de produto e desenvolvimento. O restante do time está espalhado em outros quatro escritórios: são 200 funcionários nas cidades de Palo Alto, na Califórnia (EUA), Louisville, no Colorado (EUA), Londres e em Florianópolis, Santa Catarina - de onde comanda toda a operação na América Latina.

A empresa nasceu com a proposta de tornar a produção de sites em algo simples e escalável. O modelo da startup é white label, ou seja, permite que empresas criadoras de sites façam uso da plataforma da Duda para oferecer uma construção personalizada de páginas para seus clientes, que geralmente são pequenas e médias empresas. A conta até o momento é de 1 milhão de sites publicados por mais de 17.000 clientes, construídos a partir da plataforma da Duda.

A grande maioria dos clientes da startup são agências de marketing digital, plataformas de software como serviço (SaaS) e grandes empresas de hosting. Na lista estão empresas como Tripadvisor, GoDaddy e o UOL.

Essa é a quarta rodada de captação da startup americana. Até o momento, a empresa já recebeu cerca de 100 milhões de dólares.

Segundo a vice-presidente para América Latina da Duda, Alessandra Sadan, parte dos recursos desta rodada serão utilizados para expansão da empresa na região, que já é responsável por 12% da receita de novos clientes da companhia.

"A pandemia global fez acelerar o processo de transformação digital das organizações e os pequenos negócios, principalmente, precisaram se digitalizar. Construir de forma ágil, acessível  e escalável sites de alta performance para PMEs passou a ser fundamental e a Duda, por meio do seu ecossistemas de agências  e parceiros, cresceu de forma exponencial neste período", diz.

Essa expansão será feita por meio de novos recursos e produtos na plataforma e investimentos nas áreas de marketing e vendas, diz a empresa. Com o aporte, a empresa também quer fazer novas contratações no escritório brasileiro, e dobrar o time de 16 funcionários até 2022.

“Este é um momento emocionante para a Duda. Vimos nosso crescimento acelerar significativamente e sentimos que, com esse financiamento adicional, podemos pisar no acelerador e crescer ainda mais rápido ”, disse Itai Sadan, cofundador e CEO da Duda.

Saiba o que acontece nos bastidores do mundo das startups. Assine a EXAME 

De 1 a 5, qual sua experiência de leitura na exame?
Sendo 1 a nota mais baixa e 5 a nota mais alta.

Seu feedback é muito importante para construir uma EXAME cada vez melhor.

Últimas Notícias

Ver mais
Startup desenvolve solução feita com resíduos para captar CO2 da mineração
ESG

Startup desenvolve solução feita com resíduos para captar CO2 da mineração

Há 3 horas

Para o 'pai do CRM', adoção da IA nas empresas é mandatória, mas não do jeito que estão falando
seloNegócios

Para o 'pai do CRM', adoção da IA nas empresas é mandatória, mas não do jeito que estão falando

Há 15 horas

Norte-americana compra startup mineira que ajuda a fazer apps de IA e investirá R$ 100 milhões no BR
seloNegócios

Norte-americana compra startup mineira que ajuda a fazer apps de IA e investirá R$ 100 milhões no BR

Há 19 horas

Startup liderada por ex-Tesla recebe US$ 31 milhões para desenvolver alternativas ao ChatGPT
Inteligência Artificial

Startup liderada por ex-Tesla recebe US$ 31 milhões para desenvolver alternativas ao ChatGPT

Há 20 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais