Conheça os vencedores do "Oscar" das startups brasileiras

Premiação Startup Awards elegeu melhores agentes do ecossistema de empreendedorismo inovador no Brasil, de startups a investidores

Petrobras se manteve na liderança do ranking de ações recomendadas para  o mês (nikkytok/Thinkstock)

Petrobras se manteve na liderança do ranking de ações recomendadas para o mês (nikkytok/Thinkstock)

Mariana Fonseca

Mariana Fonseca

Publicado em 7 de dezembro de 2018 às 06h00.

Última atualização em 7 de dezembro de 2018 às 18h30.

São Paulo - A plataforma de educação à distância Edools foi considerada a melhor startup brasileira do ano de 2018. O título foi dado pelo Startup Awards, premiação conhecida como o “Oscar” do ecossistema de empreendedorismo inovador no Brasil. O anúncio foi feito durante a Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo (CASE), um dos maiores eventos do setor na América Latina.

Em sua quinta edição, o prêmio também consagrou investidores anjos e mentores, instituições de ensino, aceleradoras, empresas e comunidades de empreendedorismo. Ao todo, são 11 categorias premiadas.

Um dos destaques do ano é a presença de entidades do estado de Santa Catarina. A Associação Catarinense de Tecnologia recebeu o prêmio de melhor coworking, enquanto Alexandre Souza, do Sebrae SC, ganhou na categoria “herói do ano”. A Darwin, que ganhou como melhor aceleradora, também possui sua sede no estado.

A premiação é desenvolvida pela Associação Brasileira de Startups. Fundada em 2011, a ABStartups é uma entidade sem fins lucrativos para promover o ecossistema brasileiro de startups. A associação possui cerca de cinco mil startups em sua base de dados.

Em 2017, a startup do ano foi a MaxMilhas, do empreendedor Max Oliveira. Em seus cinco anos de empresa, a MaxMilhas vendeu um milhão de passagens aéreas (600 mil apenas em 2017) e movimentou 10 bilhões em milhas (7 bilhões em 2017). O negócio conta com 170 funcionários em um escritório de Belo Horizonte e tem 800 mil usuários cadastrados atualmente, sendo 80 mil vendedores.

Em 2016, o Startup Awards consagrou a Méliuz, um serviço que devolve uma parte do dinheiro gasto em compras, como vencedora na categoria startups. Em 2018, o Méliuz alcançou a marca de 60 milhões de reais em cashback

Confira, abaixo, todos os vencedores do “Oscar” das startups brasileiras:

CategoriaVencedor(a)
Investidor anjoCamila Farani
Profissional de imprensaBruno Pinheiro, da PiaR Comunicação
UniversidadeUFMG
CoworkingAssociação Catarinense de Tecnologia (ACATE)
AceleradoraDarwin
ImpactoBlack Rocks
MentorPaulo Costa, da Accenture
CorporateSebrae
Herói/Heroína do anoAlexandre Souza, do Sebrae SC
Startup do anoEdools
ComunidadeZero Onze

 

Mais de PME

Mais na Exame