Acompanhe:

Após aporte de R$ 500 mi, Gupy compra a concorrente Kenoby

Com a Kenoby, a HRTech de recrutamento passa a somar mais de 2.300 clientes e 36 milhões de usuários

Modo escuro

Continua após a publicidade
Fundadores da Gupy: Mariana Dias, Robson Ventura, Guilherme Dias e Bruna Guimarães (Gupy/Divulgação)

Fundadores da Gupy: Mariana Dias, Robson Ventura, Guilherme Dias e Bruna Guimarães (Gupy/Divulgação)

L
Luísa Granato

Publicado em 10 de fevereiro de 2022 às, 09h32.

Pouco mais de uma semana depois de receber o maior investimento já feito para uma plataforma de RH na América Latina, a Gupy foi às compras e adquiriu sua principal concorrente: a Kenoby.

Inscreva a sua startup no programa de potencialização do boostLAB, o hub de negócios para empresas tech do BTG Pactual 

Essa é a segunda aquisição da Gupy, que em outubro passado adquiriu a startup maranhense Niduu, que trouxe uma expansão da atuação da empresa para a educação corporativa.

A rodada fechada em janeiro, que captou R$ 500 milhões, foi liderada pelos fundos SoftBank Latin America e Riverwood, teve participação da Endeavor Catalyst e foi acompanhada pelos atuais investidores Oria Capital e Maya Capital. Esse também foi o maior investimento para uma empresa fundada por mulheres no Brasil.

Com a Kenoby, a HRTech passa a somar mais de 2.300 clientes, 36 milhões de usuários e cerca de 80 mil vagas publicadas por mês. O valor da aquisição não foi divulgado pela empresa.

Segundo Mariana Dias, CEO e cofundadora da Gupy, a movimentação é um passo importante da empresa para se tornar líder do setor.

“A Kenoby teve um papel muito importante no ecossistema de HRTechs e se tornou um dos maiores ATS (Applicant Tracking System) do país, ajudando a gerar cerca de 500 mil contratações desde a sua fundação com um time e uma cultura muito fortes”, diz a CEO.

No final de janeiro, a executiva comentou que um dos planos para o novo aporte de R$ 500 milhões seria a expansão com foco no Brasil.

“Temos clientes em mais de 10 países, mas estamos focados no Brasil. Podemos ajudar com muitas coisas no nosso país, queremos que mais candidatos possam conseguir um emprego”, afirma Mariana.

A Kenoby foi fundada em 2015 por Marcel Lotufo, ex-headhunter que queria criar uma solução digital para um recrutamento mais eficiente. Sua primeira cliente foi a empresa de benefícios Alelo.

Para Dias, a junção das plataformas vai impulsionar a inovação tecnológica voltada para o mercado de RH. A Gupy pretende somar a expertise da Kenoby à sua experiência, unindo as equipes para aprimorar as ferramentas de processos seletivos.

Para os candidatos, o foco será oferecer mais transparência, melhores experiências e garantir uma conexão mais fluida com as empresas empregadoras.

“A Kenoby tem um time muito talentoso, além de uma cultura que tem como um dos pilares a diversidade, assim como a Gupy. Estamos muito felizes com a oportunidade de expandir nosso impacto por meio de pessoas que buscam o mesmo propósito que nós”, explica Dias.

Últimas Notícias

Ver mais
Em primeiro aporte internacional, Oxygea investe US$ 1 milhão em startup de reciclagem de plásticos
seloNegócios

Em primeiro aporte internacional, Oxygea investe US$ 1 milhão em startup de reciclagem de plásticos

Há 19 horas

Lexter.ai capta R$ 16 milhões para popularizar uso de IA nos escritórios de advocacia
seloNegócios

Lexter.ai capta R$ 16 milhões para popularizar uso de IA nos escritórios de advocacia

Há um dia

Programa vai impulsionar startups que promovem soluções sustentáveis para gestão de condomínios
Um conteúdo Bússola

Programa vai impulsionar startups que promovem soluções sustentáveis para gestão de condomínios

Há 2 dias

Inteligência artificial contra a dengue: Como a Mapzer usa IA para encontrar focos de Aedes aegypti
Inteligência Artificial

Inteligência artificial contra a dengue: Como a Mapzer usa IA para encontrar focos de Aedes aegypti

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais