8 dicas para criar um negócio inovador

Conheça estratégias para garantir o sucesso de uma startup e torná-la atraente para os investidores

São Paulo – Abrir um negócio próprio é cada vez mais uma opção feita tanto por jovens que acabaram de sair da faculdade quanto por profissionais experientes que querem mudar os rumos da sua carreira.

Além de uma mudança de mentalidade, o movimento é puxado por um interesse cada vez maior por parte de investidores em colocar dinheiro em novos negócios no Brasil.

O volume de capital de risco disponível no país, especialmente para negócios em estágio inicial de desenvolvimento, nunca foi tão grande.

Mas, para conquistar estes recursos, não basta ter qualquer ideia de negócio. O momento é dos negócios inovadores, com alto potencial de crescimento e modelos escaláveis – as chamadas startups.

Confira seguir algumas dicas para criar um negócio com este perfil e aumentar suas chances de sucesso:

1. Entenda como funciona uma startup
Uma startup não é apenas qualquer negócio em fase inicial de desenvolvimento – pelo  menos não na visão dos investidores. O que eles buscam são negócios com modelos inovadores e escaláveis, capazes de atingir um grande volume de clientes e gerar alto valor. Para ter sucesso, aprenda a diferenciar uma startup de uma pequena empresa convencional.

2. Ponha sua ideia à prova

Se você acha que teve uma boa ideia de negócio, o primeiro passo é saber se ela é realmente boa. Converse com amigos, familiares e colegas para ver o que eles acham e faça uma pesquisa ampla do mercado para avaliar se realmente existe oportunidade para o negócio. Confira ainda algumas dicas para desenvolver melhor sua ideia.

3. Defina um modelo de negócio
O primeiro passo para quem quer emplacar uma startup de sucesso é ter um bom modelo de negócios, ou seja, saber exatamente como vai lucrar com os seus serviços ou produtos. Alguns apostam na assinatura, outros no patrocínio ou ainda na veda tradicional. O importante é ter clareza de como a receita vai chegar. Saiba como chegar ao modelo de negócio ideal.

4. Busque um mentor

Administrar o próprio negócio é muitas vezes uma tarefa solitária e árdua, especialmente para quem está começando. Um bom mentor pode colaborar para colocar a empresa no caminho certo e ajudar o empreendedor a fazer contatos estratégicos. Conheça melhor as vantagens de ter um mentor.


5. Reúna um bom time
Dificilmente uma única pessoa terá todas as características e habilidades necessárias para fazer com que um negócio dê certo. Para garantir o sucesso do empreendimento, é necessário buscar colaboradores com perfis complementares e que possam trazer contribuições estratégicas para o projeto. Especialmente na fase inicial do negócio, comprometimento e entusiasmo são fundamentais. Saiba como reunir um bom time para sua startup.

6. Identifique a opção de investimento ideal para você
Com o desenvolvimento do mercado de capital de risco no Brasil, começamos a ter opções variadas de fontes de recursos, como capital semente, investidores anjo, venture capital e private equity. É importante entender qual o perfil e o porte de investimento ideal para o seu negócio. Conheça as diferenças entre os tipos de investidores.

7. Saiba quem está investindo
Uma vez definido o tipo de capital ideal para sua empresa, é hora de ir atrás dos investidores. Confira uma lista de investidores que estão de olho em startups brasileiras.

8. Prepare um bom pitch
Se você conseguir marcar um encontro com um investidor ou tiver a oportunidade de falar com um deles durante um dos vários eventos de relacionamento promovidos pelas entidades de apoio a startups – os chamados meetups -, é fundamental estar pronto para vender sua ideia de forma clara, objetiva e concisa. Veja como elaborar um bom pitch.
 

Suporte a Exame, por favor desabilite seu Adblock.