Acompanhe:
seloNegócios

Daimler e Renault-Nissan ampliam parceria

Serão 12 carros desenvolvidos em parceria pelas duas montadoras, além da construção de uma fábrica no México

Modo escuro

Continua após a publicidade

	O novo Renault Twingo: é um dos modelos desenvolvidos pela parceria com a Daimler
 (Divulgação)

O novo Renault Twingo: é um dos modelos desenvolvidos pela parceria com a Daimler (Divulgação)

K
Karin Salomão

Publicado em 6 de outubro de 2014 às, 12h11.

São Paulo – As montadoras Daimler e Renault-Nissan anunciaram que irão expandir suas parcerias. Os projetos quadruplicaram e serão produzidos 12 modelos na Europa, Ásia e América do Norte.

A cooperação começou em 2010, com apenas três projetos. Este ano, presidentes das companhias comentaram no Salão do Automóvel em Paris que irão lançar os primeiros veículos totalmente co-desenvolvidos desde o início.

Os modelos serão o novo Renault Twingo, que foi colocado a venda em setembro, e os Fortwo e Forfour, disponíveis a partir de novembro. 

Além disso, estão construindo uma fábrica no México, para a produção do modelo Infinity da Nissan.

O anúncio da ampliação foi feito em uma coletiva de imprensa no Salão de Automóveis em Paris, por Dieter Zetsche, CEO da Daimler, e Carlos Ghosn, CEO e chairman da Renault-Nissan.

“A escala global dos nossos projetos assegura que essa colaboração continuará crescendo, e esperamos continuar parceiros a longo prazo”, disse Ghosn.

Toyota

Além de anunciar a expansão da parceria, as montadoras também atacaram o plano da concorrente Toyota, de lançar um carro movido a hidrogênio – Fuel Cell Vehicle, em inglês.

Segundo O Wall Street Journal, Zetsche e Ghosn parecem preocupados com o lançamento da Toyota de uma nova tecnologia limpa. A montadora japonesa pode ameaçar a concorrência, já complicada, no mercado de carros limpos.

As montadoras estão investindo cada vez mais em carros movidos por energia limpa, como elétricos ou movidos a hidrogênio. No entanto, o mercado para esses veículos ainda é pequeno, apesar dos incentivos do governo americano para diminuir a emissão de gases causadores do efeito estufa.

Últimas Notícias

Ver mais
CVC Capital Partners quer captar US$ 1,33 bilhão em IPO – se o Oriente Médio deixar
Exame IN

CVC Capital Partners quer captar US$ 1,33 bilhão em IPO – se o Oriente Médio deixar

Há 10 horas

Elon Musk anuncia que Tesla vai demitir mais de 10% dos funcionários, diz Reuters
seloMercados

Elon Musk anuncia que Tesla vai demitir mais de 10% dos funcionários, diz Reuters

Há 13 horas

Estados Unidos se preocupa com ascensão da venda de carros chineses
Mundo

Estados Unidos se preocupa com ascensão da venda de carros chineses

Há 18 horas

Além de óculos e relógios: Chilli Beans abre o leque e aposta em bebidas e caixas de som
Casual

Além de óculos e relógios: Chilli Beans abre o leque e aposta em bebidas e caixas de som

Há 2 dias

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais