Bradesco Seguros registrou prêmios de R$ 12,9 bilhões

Na comparação trimestral, houve queda de 7,8%, reflexo do avanço de 46,2% dos produtos de vida e previdência visto no trimestre anterior

São Paulo - A Bradesco Seguros emitiu R$ 12,904 bilhões no terceiro trimestre deste ano, cifra 16,6% maior que a registrada em um ano, de R$ 11,069 bilhões. O resultado, segundo o banco, foi impulsionado pelo aumento da arrecadação com previdência privada e capitalização.

Na comparação trimestral, houve queda de 7,8%, reflexo do "excepcional" avanço de 46,2% dos produtos de vida e previdência visto no trimestre anterior.

O segmento de vida e previdência totalizou R$ 5,645 bilhões em prêmios de julho a setembro, aumento de 13,6% ante um ano. Capitalização alcançou R$ 1,416 bilhão, expansão de 14,7%.

No setor de saúde, foram R$ 4,137 bilhões em prêmios, alta de 20,9%. Os prêmios de ramos elementares (Auto/RE) cresceram 29,7%, para R$ 1,655 bilhão.

O lucro líquido da operação de seguros do Bradesco alcançou R$ 1,058 bilhão no terceiro trimestre deste ano, expansão de 20,5% ante um ano, de R$ 878 milhões.

Na comparação trimestral, houve retração de 1,3%. A Bradesco Seguros respondeu por 27% do resultado ajustado do Bradesco no terceiro trimestre, menor que a participação de 28% no trimestre anterior, conforme apresentação disponível para jornalistas.

O índice combinado, que mede a eficiência operacional de uma seguradora, foi a 86,5% ao final de setembro, piora de 0,2 ponto porcentual ante julho.

Já em um ano, houve melhora de 0,9 ponto porcentual. Quanto menor o indicador, melhor. Acima de 100% indica prejuízo da operação.

A sinistralidade da Bradesco Seguros ficou em 72,7%, indicador estável na comparação anual. Em relação ao segundo trimestre, o indicador piorou 2,5 ponto porcentual.

Patrimônio

A seguradora do Bradesco fechou setembro com patrimônio líquido de R$ 19,507 bilhões, aumento de 19,5% em relação ao mesmo período do ano passado, de R$ 16,326 bilhões. Ante junho, foi vista alta de 3,7%.

O retorno anualizado sobre o patrimônio ficou em 25,4%, queda de 0,9 ponto porcentual na comparação com o trimestre anterior.

Os ativos totais foram a R$ 174,101 bilhões de julho a setembro, aumento de 9,8% em um ano. Em relação aos três meses anteriores, foi registrado avanço de 2,6%.

O resultado financeiro da seguradora do Bradesco alcançou R$ 1,019 bilhão ao final de setembro, aumento de 49,4% ante igual intervalo do ano passado.

A Bradesco Seguros totalizava 40,5 milhões de segurados no período, com a inserção de 900 mil clientes ante junho. Em 12 meses, foram acrescidos mil clientes.

Obrigado por ler a EXAME! Que tal se tornar assinante?


Tenha acesso ilimitado ao melhor conteúdo de seu dia. Em poucos minutos, você cria sua conta e continua lendo esta matéria. Vamos lá?


Falta pouco para você liberar seu acesso.

exame digital

R$ 12,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser.

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.
Assine

exame digital + impressa

R$ 29,90/mês
  • Acesse onde e quando quiser

  • Acesso ilimitado a conteúdos exclusivos sobre macroeconomia, mercados, carreira, empreendedorismo, tecnologia e finanças.

  • Edição impressa mensal.

  • Frete grátis
Assine

Já é assinante? Entre aqui.