Acompanhe:
seloNegócios

Avião da American Airlines pega fogo durante decolagem em Chicago

Decolagem foi abortada e passageiros retirados do avião. Não houve feridos graves relatados no incidente

Modo escuro

Continua após a publicidade
Incêndio: avião estava totalmente carregado com 19,5 quilos combustível (Creator Studios/Youtube/Reprodução)

Incêndio: avião estava totalmente carregado com 19,5 quilos combustível (Creator Studios/Youtube/Reprodução)

T
Timothy Mclaughlin, da Reuters

Publicado em 29 de outubro de 2016 às, 10h22.

Chicago - O motor de uma aeronave da American Airlines pegou fogo quando estava prestes a decolar do aeroporto O'Hare, em Chicago, na sexta-feira, o que levou a tripulação a abortar a decolagem e tirar os passageiros através de rampas de emergência, disseram autoridades.

Não houve feridos graves relatados no incidente, que ocorreu apenas algumas horas antes de um acidente semelhante, sem relação, em Fort Lauderdale, Flórida, onde o trem de pouso de um avião de carga da FedEx entrou em colapso, o que provocou um incêndio que foi rapidamente extinto.

A empresa disse mais tarde que os pilotos da FedEx estavam seguros.

O voo 383 da American Airlines, um Boeing 767 com destino a Miami com 161 passageiros e uma tripulação de nove pessoas, estava em uma pista do aeroporto de O'Hare quando o motor do lado direito do avião pegou fogo, disseram as autoridades.

O avião estava totalmente carregado com 19,5 quilos combustível, que estava vazando quando os bombeiros chegaram à aeronave, disse Timothy Sampey, comissário-assistente da equipe de incêndio do aeroporto, em uma entrevista coletiva.

A empresa aérea informou que sete passageiros e um membro da tripulação foram levados a um hospital com ferimentos leves.

Veja vídeo do incêndio:

https://www.youtube.com/watch?v=SnllayzRyqk

Últimas Notícias

Ver mais
Latam tem novo espaço em Guarulhos para check-in doméstico de passageiros premium
Casual

Latam tem novo espaço em Guarulhos para check-in doméstico de passageiros premium

Há 3 dias

Mesmo com empresa em crise, CEO da Boeing ganhou 45% a mais ano passado: US$ 32 milhões
seloMercados

Mesmo com empresa em crise, CEO da Boeing ganhou 45% a mais ano passado: US$ 32 milhões

Há 6 dias

Você sabe qual foi o primeiro relógio suíço de pulso a ir para o espaço?
Casual

Você sabe qual foi o primeiro relógio suíço de pulso a ir para o espaço?

Há uma semana

Para reduzir emissões, correio alemão abandona aviões no transporte doméstico
ESG

Para reduzir emissões, correio alemão abandona aviões no transporte doméstico

Há uma semana

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais