Acompanhe:

Noruega confirma que suposto espião é russo

O suspeito de ser espião preso esta semana com documentos brasileiros tem cidadania russa

Modo escuro

Continua após a publicidade
Espionagem: Antes de ser preso, Mikushin estava atuando como pesquisador na cidade de Tromso, localizada perto do Ártico (AFP/AFP)

Espionagem: Antes de ser preso, Mikushin estava atuando como pesquisador na cidade de Tromso, localizada perto do Ártico (AFP/AFP)

E
Estadão Conteúdo

Publicado em 29 de outubro de 2022 às, 09h26.

Os serviços de inteligência da Noruega revelaram nesta sexta, 28 que o suspeito de ser espião preso esta semana com documentos brasileiros tem cidadania russa. Ele foi identificado como Mikhail Mikushin, de 44 anos. Segundo as investigações, ele fingia ser um pesquisador brasileiro com o nome José Assis Gianmaria, de 37 anos.

Preso na terça-feira, Mikushin está em um centro de detenção acusado de violar as leis de imigração. Desde a prisão, as autoridades estavam empenhadas em descobrir as "supostas ações de espionagem ilegal dirigida contra segredos de Estado".

As acusações podem levar a uma pena de até 3 anos de prisão. O suspeito concordou em permanecer em prisão provisória por quatro semanas, mas negou os crimes.

Antes de ser preso, Mikushin estava atuando como pesquisador na cidade de Tromso, localizada perto do Ártico. Ele se concentrou em estudar a política norueguesa na região, na qual o país compartilha 198 quilômetros de fronteira com a Rússia.

Segundo os investigadores, Mikushin procurou criar uma rede de contatos, lançar canais de informação e entrar nos círculos que lidam com informações confidenciais. Ele compareceu a seminários nos quais foram exibidos métodos sobre como lidar com "desligamento do fluxo de gás após a explosão de um gasoduto" - em uma profunda semelhança com os vazamentos nos gasodutos da Nord Stream, que a Europa considerou resultado de sabotagem.

LEIA TAMBÉM: 

Rússia diz que concluiu retirada de civis da região ucraniana ocupada de Kherson

Últimas Notícias

Ver mais
Incêndio devora edifício residencial em Valência, na Espanha, e deixa 13 feridos
Mundo

Incêndio devora edifício residencial em Valência, na Espanha, e deixa 13 feridos

Há 3 horas

França diz que forças russas ameaçaram abater aviões franceses em zona internacional
Mundo

França diz que forças russas ameaçaram abater aviões franceses em zona internacional

Há 4 horas

Mãe de Navalni diz que Rússia a pressiona por funeral secreto de seu filho
Mundo

Mãe de Navalni diz que Rússia a pressiona por funeral secreto de seu filho

Há 4 horas

Rússia anuncia novas conquistas territoriais na Ucrânia após dois anos de ofensiva
Mundo

Rússia anuncia novas conquistas territoriais na Ucrânia após dois anos de ofensiva

Há 7 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais