Mundo

Ferrari lançará modelo híbrido em 2013

Novo superesportivo da marca irá combinar gasolina e eletricidade

Tecnologia equipará sucessora da Ferrari Enzo (Creative Commons/Endlezz)

Tecnologia equipará sucessora da Ferrari Enzo (Creative Commons/Endlezz)

DR

Da Redação

Publicado em 27 de abril de 2012 às 09h47.

São Paulo - A Ferrari planeja lançar seu primeiro sistema híbrido – combinando gasolina e eletricidade – em 2013. A tecnologia será oferecida no novo superesportivo que a marca de Maranello prepara para substituir a lendária Enzo.

“Vamos entrar no mercado com um sistema híbrido derivado da Fórmula 1, que nos entregará baixo consumo de combustível com desempenho de ponta”, afirmou o CEO da Ferrari, Amedeo Felisa à agência de notícias Automotive News Europe.

De acordo com a Ferrari, testes com o HY-KERS mostraram uma redução de 40% no consumo de combustível, além de uma queda na aceleração de 0 a 100 km/h em três segundos, sempre em comparação a uma Ferrari sem o sistema.

Felisa afirmou que o novo sistema deve acrescentar 120 quilos ao peso total do veículo. Para compensar o peso extra, a Ferrari deve reprojetar o chassi e algumas peças do motor. A marca também disse que o chassi do novo carro terá a mesma quantidade de fibra de carbono usada nos carros de Fórmula 1.

As células de íon-lítio serão fornecidas pela Samsung Eletronics diretamente à Ferrari, que finalizará a instalação nas dependências da empresa em Fiorano, nos arredores de Modena.

Acompanhe tudo sobre:AutoindústriaCarrosCarros elétricosCarros híbridoscarros-esportivosEmpresasEmpresas italianasFerrari

Mais de Mundo

Ataque aéreo de Israel a Rafah após novo ataque do Hamas deixa ao menos 35 mortos

Doze pessoas ficam feridas por conta de turbulência durante voo da Qatar Airways

Tornados e tempestades deixam ao menos 14 mortos no sul dos EUA

Arábia Saudita nomeia primeiro embaixador na Síria desde 2012

Mais na Exame