Minhas Finanças

São Paulo permite pagamento parcelado do IPVA no cartão de crédito

Os valores pagos ao correspondente bancário são repassados ao governo do Estado de forma imediata, e sem qualquer desconto ou encargo

Carros: quem deixar de pagar o IPVA pode ser multado (Kichigin/Thinkstock)

Carros: quem deixar de pagar o IPVA pode ser multado (Kichigin/Thinkstock)

Anderson Figo

Anderson Figo

Publicado em 10 de janeiro de 2019 às 12h21.

A Secretaria da Fazenda e Planejamento do estado de São Paulo assinou nesta quarta-feira (9) convênio com duas operadoras financeiras que permitirá ao contribuinte realizar o parcelamento do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2019 por meio do cartão de crédito, contemplando também o pagamento do Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) e o Licenciamento.

É importante ressaltar que essa forma de pagamento é válida apenas para os débitos não inscritos na dívida ativa, ou seja, para o calendário deste ano, e já começa a valer a partir de quinta-feira, 10 de janeiro.

A medida, regulamentada pela resolução SF130/18, publicada na edição do dia 17 de dezembro de 2018 do Diário Oficial do Estado, cria um ambiente seguro para os proprietários de veículos, que têm a garantia de que o imposto recolhido foi repassado a Secretaria Estadual da Fazenda e Planejamento. As empresas credenciadas emitem dois comprovantes: o da transação do crédito e da quitação do débito. Segurança para o Estado e o cidadão.

Os valores pagos ao correspondente bancário são repassados ao governo do Estado de forma imediata, e sem qualquer desconto ou encargo. As empresas credenciadas terão autonomia para definir o número de parcelas e o valor dos juros que será cobrado dos contribuintes.

Os recursos do imposto são investidos pelo governo estadual em obras de infraestrutura e melhoria na prestação de serviços públicos como os de saúde e educação.

Esta reportagem foi publicada originalmente na Arena do Pavini

Acompanhe tudo sobre:CarrosCarros 0Kcarros-usadosCartões de créditoImpostosIPVAsao-paulo

Mais de Minhas Finanças

Mega-Sena acumula mais uma vez e prêmio vai a R$ 42 milhões

Veja o resultado da Mega-Sena, concurso 2727; prêmio é de R$ 35 mi

Desenrola chega ao fim com queda de 8,7% na inadimplência entre a população mais vulnerável

IR 2024: Receita Federal libera maior lote da história nesta quinta-feira; veja quem recebe

Mais na Exame