Cobre opera em alta, com expectativa de cortes na produção

Cotação: às 10h50 (de Brasília), o cobre para março subia 1,79%, a US$ 2,1095 a libra-peso, na Comex

	Cotação: às 10h50, o cobre para março subia 1,79%, a US$ 2,1095 a libra-peso, na Comex
 (.)
Cotação: às 10h50, o cobre para março subia 1,79%, a US$ 2,1095 a libra-peso, na Comex (.)
G
Gabriel Bueno da Costa, com informações da Dow Jones NewswiresPublicado em 11/12/2015 às 13:47.

São Paulo - O cobre opera em alta na manhã desta sexta-feira, impulsionado pela expectativa de cortes na produção de mineradoras.

O movimento ocorre após grandes mineradoras, como Freeport-McMoran e Glencore, informarem que planejam reduzir a produção.

Às 10h50 (de Brasília), o cobre para março subia 1,79%, a US$ 2,1095 a libra-peso, na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex).

Mais adiante, analistas acreditam que os cortes na produção devem apoiar os preços em 2016.

"Os cortes consideráveis na produção - não apenas de cobre - deve resultar em uma oferta menor digna de nota nos mercados de metais no próximo ano, o que por sua vez apoia os preços dos metais", afirma o Commerzbank.