Mercados

Anhanguera Educacional fará emissão de R$ 400 mi em debêntures

Operação é anunciada após a companhia adquirir a Uniban por R$ 510,6 milhões

Anhanguera: Saída do Pátria é negativa (Germano Luders/EXAME)

Anhanguera: Saída do Pátria é negativa (Germano Luders/EXAME)

DR

Da Redação

Publicado em 20 de setembro de 2011 às 13h26.

São Paulo – O conselho de administração da Anhanguera Educacional (AEDU3) aprovou a quarta emissão de debêntures da companhia no valor total de 400 milhões de reais e com vencimento em sete anos, segundo comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A operação será restrita, ou seja, destinada exclusivamente a investidores qualificados. Segundo a companhia, serão emitidas 400 debêntures, cada uma com valor de 1 milhão de reais. O vencimento ocorrerá em sete anos contados a partir da data de emissão, estipulada para o dia 28 de setembro de 2011.

Segundo a Anhanguera Educacional, a remuneração será feita com base em 100% da taxa DI, acrescida de um spread de 1,95% ao ano. A amortização do valor nominal unitário será realizada em oito parcelas semestrais, iguais e consecutivas, a partir do 42º mês contado a partir da data de emissão (sendo assim a primeira parcela será em 8 de março de 2015).

Os recursos obtidos pela companhia por meio da oferta de debêntures serão destinados ao reforço de caixa da empresa, alongamento do perfil de dívida total e expansão das atividades.

Avaliação

No final de agosto, a agência de classificação de risco Standard & Poor’s (S&P) elevou os ratings de crédito corporativo da Anhanguera Educacional, de BB- para BB na escala global e de brA para brAA- na Escala Nacional Brasil. A perspectiva é estável.

“Esperamos que a Anhanguera permaneça com a sua estratégia de aquisições nos próximos anos, mas se expandindo a partir de uma base de ativos mais madura e integrada, o que lhe possibilitará manter a liquidez adequada e métricas de crédito fortes”, destacou na ocasião a S&P em comunicado.

Na última sexta-feira, a Anhanguera Educacional fechou o contrato de compra da Uniban. O valor da operação foi de 510,6 milhões de reais. Com a nova aquisição, a Anhanguera Educacional se torna o segundo maior grupo de ensino superior do mundo. Ao todo, serão mais de 400 mil alunos e 10 mil professores.

Acompanhe tudo sobre:Anhanguera EducacionalDebênturesEmpresasMercado financeiroSetor de educação

Mais de Mercados

Bancos centrais compram um quinto do ouro do mundo e querem aumentar aposta

Ibovespa sobe e recupera os 120 mil antes de decisão do Copom; dólar bate máxima em 18 meses

Copom, posse da presidente da Petrobras e incorporação da Soma pela Arezzo: o que move o mercado

PicPay estuda fazer IPO nos EUA, diz Bloomberg

Mais na Exame