Acompanhe:

Agências conferem grau especulativo para emissão da OGX

Fitch e Moody’s reconhecem potencial exploratório e reservas, mas alertam para os riscos

Modo escuro

Continua após a publicidade
Fitch ressalta a experiência dos diretores da empresa, com uma média de 31 anos na indústria (André Valentim/EXAME)

Fitch ressalta a experiência dos diretores da empresa, com uma média de 31 anos na indústria (André Valentim/EXAME)

G
Gustavo Kahil

Publicado em 19 de maio de 2011 às, 20h09.

São Paulo – As agências de classificação de risco Fitch e Moody’s conferiram uma nota de grau especulativo para a emissão de 2 bilhões de dólares da OGX (OGXP3), empresa petrolífera da holding EBX, de Eike Batista. A empresa pretende utilizar os recursos para financiar a campanha de produção e desenvolvimento, além de fins corporativos gerais.

A Fitch conferiu a nota B+ para a empresa e a Moody’s o rating B1, ambos com perspectiva estável. “O rating B1 da OGX reflete sua ampla base de recursos em uma escala global, a qual fornece excelentes reservas e potencial para aumento da produção”, disse Gretchen French, vice-presidente e analista sênior da Moody’s.

“No entanto, a empresa ainda permanece em estado pré-operacional com riscos elevados de preparo e execução”, ressalta French. Apesar disso, as agências destacam o sucesso da campanha exploratória da companhia até agora.

“A campanha inicial de exploração tem sido altamente bem sucedida e esteve focada em vários blocos da bacia de Campos, que estão adjacentes a outros em produção”, afirma a Fitch, em relatório assinado pela diretora sênior da agência, Ana Paula Ares. “O time de diretores tem experiência no setor de óleo e gás, com uma média de 31 anos na indústria”, ressalta.

Últimas Notícias

Ver mais
Por que o dólar está subindo tanto? 3 fatores que explicam a alta da moeda
seloMercados

Por que o dólar está subindo tanto? 3 fatores que explicam a alta da moeda

Há 4 horas

Estoques de petróleo nos EUA sobem 2,735 milhões de barris, revela DoE
Economia

Estoques de petróleo nos EUA sobem 2,735 milhões de barris, revela DoE

Há 6 horas

Quem poderia levar os hospitais da Dasa? O Itaú BBA tem seu palpite
Exame IN

Quem poderia levar os hospitais da Dasa? O Itaú BBA tem seu palpite

Há 8 horas

EUA decidem se reativam as sanções petrolíferas contra Venezuela por bloqueio à oposição
Mundo

EUA decidem se reativam as sanções petrolíferas contra Venezuela por bloqueio à oposição

Há 8 horas

Continua após a publicidade
icon

Branded contents

Ver mais

Conteúdos de marca produzidos pelo time de EXAME Solutions

Exame.com

Acompanhe as últimas notícias e atualizações, aqui na Exame.

Leia mais