Esporte

Neymar no Manchester United? Entenda como a mudança de dono do clube pode facilitar transferência

Alvo de protestos da torcida francesa, Neymar viu o seu prestigio no clube minguar com maior influência de Kylian Mbappé no clube

Brazil's forward #10 Neymar warms up ahead of the Qatar 2022 World Cup quarter-final football match between Croatia and Brazil at Education City Stadium in Al-Rayyan, west of Doha, on December 9, 2022. (Photo by GABRIEL BOUYS / AFP) (Photo by GABRIEL BOUYS/AFP via Getty Images) (GABRIEL BOUYS/AF/Getty Images)

Brazil's forward #10 Neymar warms up ahead of the Qatar 2022 World Cup quarter-final football match between Croatia and Brazil at Education City Stadium in Al-Rayyan, west of Doha, on December 9, 2022. (Photo by GABRIEL BOUYS / AFP) (Photo by GABRIEL BOUYS/AFP via Getty Images) (GABRIEL BOUYS/AF/Getty Images)

André Martins
André Martins

Repórter de Brasil e Economia

Publicado em 23 de maio de 2023 às 09h46.

Última atualização em 23 de maio de 2023 às 10h41.

O camisa 10 da seleção brasileira na última Copa do Mundo deve jogar em um novo clube na próxima temporada europeia. Segundo o jornal francês "L'Equipe", o Manchester United estaria negociando com o PSG para ter o Neymar em seu plantel.

Alvo de protestos da torcida francesa, Neymar viu o seu prestigio no clube minguar com maior influência de Kylian Mbappé no clube. O jornal afirma que pela primeira vez "vários fatores internos estão alinhados" para que o atleta deixe o clube. O volante Casemiro, companheiro de Neymar na seleção e jogador do United, é um dos que se movimentam nos bastidores para que a operação se concretize.

O contrato até 2027 e o alto salário podem ser um empecilho para que a operação seja concretizada. Um empréstimo pode ser uma alternativa e um novo fator também pode colaborar para o final feliz.

Venda do United para o Catar pode favorecer Neymar

O xeque Jassim Bin Hamad Al Thani fez oferta para comprar o Manchester United. Nesta semana, de acordo com o jornal britânico "The Guardian", Hamad Al Than teria aumentado a proposta para comprar o United, com cifras que devem chegar a US$ 5,5 bilhões. A família Glazer, que hoje é a dona do clube, almeja até 6 bilhões de libras.

Jassim é filho de Hamad bin Jassim bin Jaber Al Thani, ex-primeiro ministro do Catar (2007 a 2013). Ambos têm ligações de parentesco com a família real catari, que controla o PSG. Ex-diretor do banco de investimentos suíço Credit Suisse, o xeque preside o banco catari QIB, atualmente. Caso a venda seja concretizada, os clubes seriam "primos" e a negociação de Neymar poderia ser facilitada.

Por que o United está sendo vendido?

"Ainda não está clara qual será a decisão da família Glazer quanto a venda ou não do clube. Existe muita especulação no ar, inclusive a de que eles poderiam simplesmente não vender agora ou vender uma parte, mantendo o controle. Contudo, a torcida do clube há muito tempo deseja que a saída dos Glazer e com as ofertas que estão na mesa é difícil que isso não ocorra", explica o advogado Eduardo Carlezzo, especializado em direito desportivo e sócio do Carlezzo Advogados.

Vale lembrar que as negociações pela compra da equipe inglesa já dura meses, e agora está na terceira fase de licitação. Recentemente, um outro bilionário declarou interesse na compra. Tratou-se de Jim Ratcliffe, dono do conglomerado químico Ineos Group.

"Na semana passada, a venda do Washington Commanders, da NFL, resultou no valor recorde já pago por uma franquia esportiva, independente da modalidade, superando US$ 6 bilhões. Ao que tudo indica as ofertas para a compra do United superam este valor e portanto, se concretizadas, seriam a maior aquisição da história do esporte", complementa Carlezzo.

Acompanhe tudo sobre:NeymarFutebolPSGCatar

Mais de Esporte

Após empate com Inglaterra, Eslovênia chega às oitavas de final da Eurocopa pela primeira vez

Medalha ganha por Pelé na Copa do Mundo de 1962 vai a leilão e pode ser vendida por R$ 2 milhões

Qual a fortuna do jogador Vinícius Jr?

Corinthians x Cuiabá: onde assistir e horário pelo Brasileirão

Mais na Exame