Esporte
Acompanhe:

Libra, grupo de clubes brasileiros, aprova venda de 20% ao fundo dos Emirados Árabes, Mubadala

Liga formada por 14 clubes brasileiros receberá quase R$ 5 bilhões

Inspirada na Premier League, Libra busca atrair mais investimentos estrangeiros no futebol brasileiro (Gabriel Machado/NurPhoto/Getty Images)

Inspirada na Premier League, Libra busca atrair mais investimentos estrangeiros no futebol brasileiro (Gabriel Machado/NurPhoto/Getty Images)

A
Antonio Souza

Publicado em 8 de novembro de 2022, 17h22.

Última atualização em 8 de novembro de 2022, 17h38.

A Libra, grupo recente formado por clubes brasileiros, aprovou a venda de 20% para o fundo dos Emirados Árabes, Mubdala Capital. A informação foi confirmada pela Bloomberg nesta terça-feira, 8.

Libra é formada pelos clubes: Botafogo, Corinthians, Cruzeiro, Flamengo, Grêmio, Guarani, Ituano, Novorizontino, Palmeiras, Ponte Preta, Red Bull Bragantino, Santos, São Paulo e Vasco. Inspirada na Premier League, ela busca atrair mais investimentos estrangeiros no futebol brasileiro.

Assine a EXAME e fique por dentro das principais notícias que afetam o seu bolso. Tudo por menos de R$ 0,37/dia.

Representantes dos clubes votaram para entrar em negociações exclusivas com a Mubadala, que competia com outros grupos de investimento. A empresa pagará cerca de R$ 4,750 bilhões pelo negócio que serão divido entre os clubes.

A Mubadala Capital possui um histórico de investimento em ativos esportivos e de mídia, incluindo o provedor de televisão por assinatura dos EUA, Yes Network e SX Global e uma empresa australiana que promove o Campeonato Mundial FIM Supercross de motociclismo.

LEIA TAMBÉM: