ESG

Show AMIGOS arrecada R$ 5 milhões para o Natal das famílias impactadas pela ONG Amigos do Bem

Os recursos angariados serão destinados para a aquisição de mais de 50 mil cestas básicas que beneficiarão 50 mil famílias que vivem em povoados em situação de extrema pobreza no sertão nordestino

Leonardo, Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano destinaram parte da venda dos ingressos à ONG Amigos do Bem, presidida por Alcione Albanesi (Rosa Marcondes/Reprodução)

Leonardo, Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano destinaram parte da venda dos ingressos à ONG Amigos do Bem, presidida por Alcione Albanesi (Rosa Marcondes/Reprodução)

Marina Filippe
Marina Filippe

Repórter de ESG

Publicado em 21 de dezembro de 2023 às 12h25.

O Show AMIGOS 2023 - DE VOLTA À ESTRADA, que atraiu milhares de fãs dos cantores Leonardo, Chitãozinho e Xororó, Zezé Di Camargo e Luciano no Allianz Parque, em São Paulo, no último domingo, destinou parte da venda dos ingressos à ONG Amigos do Bem, instituição dedicada a transformar vidas de milhares de pessoas em situação de extrema pobreza no sertão nordestino.

O espetáculo teve arrecadação de R$ 5 milhões, integralmente direcionados à ONG Amigos do Bem, que celebra 30 anos de trabalho. Além das doação dos cantores, que contribuíram com R$ 2 milhões provenientes de parte da receita da venda de ingressos, os patrocinadores do evento destinaram R$ 3 milhões para apoiar a ação especial de Natal realizada pela Instituição.

Os recursos angariados serão destinados para a aquisição de mais de 50 mil cestas básicas que beneficiarão 50 mil famílias que vivem em povoados em situação de extrema pobreza no sertão nordestino, a região mais carente do país.

Além de Chitãozinho e Xororó, que há 22 anos são padrinhos do projeto, Leonardo, Zezé di Camargo e Luciano se unem para apoiar o combate da fome no sertão, que atualmente sofre com o aumento da pobreza e a pior seca dos últimos 40 anos. Com o apoio dos artistas e das marcas parceiras, a Instituição vai dobrar o atendimento no sertão durante o Natal.

O show contou também com a presença do ator e cantor Tiago Abravanel, embaixador dos Amigos do Bem. Na ocasião, Alcione Albanesi, presidente e fundadora da ONG, apresentou os projetos realizados no sertão nordestino. O objetivo foi inspirar o público a apoiar a causa que, ao longo de três décadas, tem impactado positivamente milhares de famílias.

Natal do Amigos do Bem

A entrega dos alimentos tem como finalidade proporcionar um Natal sem fome para milhares de famílias em situação de extrema pobreza e abandono em 500 povoados do sertão dos estados de Alagoas, Ceará, Pernambuco e Paraíba. Ao todo, mais de 200 mil pessoas serão beneficiadas diretamente pelos Amigos do Bem nesta ação solidária de fim de ano.

“Este trabalho é feito por muitos Amigos. Agradecemos muito aos artistas e a todos os envolvidos neste evento solidário em prol da transformação de milhares de famílias que enfrentam a fome, uma batalha diária para quem vive no sertão. Há 30 anos trabalhamos para fazer com que a fome e a miséria sejam fatos históricos no nosso país”, afirmou Alcione Albanesi, presidente e fundadora da ONG Amigos do Bem.

Segundo ela, o evento reforçou a importância e compromisso dos artistas e do público em ajudar o próximo. “Essa ação vai fazer com que a ajuda chegue a quem mais precisa e com que milhares de pessoas não passem fome neste Natal.”

Realizações Da ONG Amigos Do Bem:

  • 150 mil pessoas atendidas todos os meses;   
  • 300 povoados atendidos no sertão de Alagoas, Pernambuco e Ceará;   
  • 10 mil crianças e jovens nos 4 Centros de Transformação;   
  • 1,8 milhão de refeições servidas por ano para as crianças dos Centros de Transformação;   
  • 1,5 mil empregos gerados no sertão (Plantações, Fábrica de Beneficiamento de Castanha de Caju, Oficinas de Costura e Artesanato, Fábrica de Doces e Mel e Educadores e postos administrativos);    
  • 600 voluntários que dedicam mais de 372 mil horas do Bem por ano;   
  • 35 mil m2 de edificações construídas (centros de atendimento, entre outros);   
  • 123 cisternas para levar água à população;   
  • 60 poços artesianos perfurados;   
  • 543 casas construídas;   
  • Mais de 187 mil atendimentos médicos e odontológicos no último ano;   
  • Mais de 500 bolsas de estudo para faculdade.   
Acompanhe tudo sobre:ONGsDoaçõesNatal

Mais de ESG

Azerbaijão, sede da COP29, defende acelerar produção de gás (sim, um combustível fóssil)

Summit ESG: grandes empresas devem compartilhar iniciativas sustentáveis com PMEs

Corredor biológico marinho: uma alternativa para a preservação dos oceanos

ESG Summit: bioeconomia e energia renovável podem inserir o Brasil na tendência de nearshoring

Mais na Exame