Economia

Gustavo Guerrante e Lucas Costa, da CCPar, são os entrevistados da Exame desta sexta

Concessões e parcerias público-privadas coordenadas pela empresa da prefeitura do Rio de Janeiro serão tema da entrevista

 (Exame/Exame)

(Exame/Exame)

Antonio Temóteo
Antonio Temóteo

Repórter especial de Macroeconomia

Publicado em 17 de maio de 2024 às 11h12.

Última atualização em 17 de maio de 2024 às 11h21.

O Rio de Janeiro está entre as capitais do Brasil com maior atividade relacionada às iniciativas de PPP e às concessões no último ciclo de governo, que começou em 2021 e se encerra em 2024. Os dados são da consultoria Radar PPP, que criou o iRadar para monitorar diariamente mais de 5 mil projetos no país.

yt thumbnail

Segundo dados consolidados até março de 2024, as capitais brasileiras foram responsáveis por 158 novas iniciativas em PPP e concessões, pela publicação de 60 consultas públicas e outras 53 licitações.

O Rio de Janeiro lidera no levantamento de licitações publicadas, com 12. A capital fluminense teve durante o governo Eduardo Paes a publicação de 21 novas iniciativas, e ficou em segundo no levantamento.

As concessões e iniciativas de PPP da cidade marilhosa serão tema da entrevista ao vivo com o presidente da Companhia Carioca de Parcerias e Investimentos (CCPar), Gustavo Guerrante, e o diretor de Estruturação de Projetos, Lucas Costanesta sexta-feira, 17, às 14h, com transmissão pelo canal do YouTube da EXAME.

Quem são os entrevistados

Guerrante é formado em engenheira mecânica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com mestrado em administração pelo Coppead UFRJ. Na prefeitura do Rio, foi subsecretário de PPPs e Concessões Janeiro por sete anos durante período de preparação para os Jogos Olímpicos.

Também foi assessor da presidência do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para PPPs e Concessões e diretor de Negócios da BYD para a América Latina. Desde junho de 2022, com a transformação da Cdurp na CCPar, está à frente da empresa pública da Prefeitura do Rio que estrutura e fiscaliza as concessões e Parcerias Público-Privadas (PPPs) do Município.

Costa iniciou sua carreira nas consultorias EY e KPMG, onde atuou em projetos relacionados a avaliação de empresas e projetos, consultoria estratégica, fusões & aquisições, estudos de viabilidade e estruturação de PPPs e concessões.

Trabalhou na Enseada, onde coordenou as áreas de Investimentos e Planejamento Financeiro, liderando processos orçamentários e elaborando modelagem financeira, estudos de mercado, planos de negócios e reportes à diretoria e aos acionistas, inclusive internacional.

Em abril de 2021 migra para a prefeitura do Rio de Janeiro, respondendo pela estruturação de PPPs e Concessões no âmbito do município, participando ativamente da criação da Companhia Carioca de Parcerias e Investimentos - CCPar.

A entrevista será conduzida por Antonio Temóteo, repórter especial da EXAME em Brasília.

Acompanhe tudo sobre:Rio de JaneiroConcessões

Mais de Economia

Inflação ao consumidor na China continua em alta

Petrobras prevê perfurar novos poços do pré-sal em 2025 para garantir futuro da bacia de Campos

Senado estuda usar atualização do IR e repatriação para compensar desoneração

‘Temos absoluta confiança que o dólar vai cair’, diz Geraldo Alckmin

Mais na Exame